Últimas notícias café da manhã com jornalistas

(Brasília - DF, 14/06/2019) Café da manhã com Jornalistas. 
Foto: Marcos Corrêa/PR
Política

Bolsonaro: única forma de se comunicar com segurança é pessoalmente

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (14) que só é possível se comunicar com "total segurança" em conversas presenciais.

(Brasília - DF, 14/06/2019) Café da manhã com Jornalistas. 
Foto: Marcos Corrêa/PR
Política

"Se forçar a barra, não aprova nada", diz Bolsonaro sobre Previdência

O governo deve ceder para ver a reforma da Previdência aprovada, afirmou hoje (14) o presidente Jair Bolsonaro, em café da manhã com jornalistas, no Palácio do Planalto, ao analisar a tramitação da proposta no Congresso.

(Brasília - DF, 14/06/2019) Café da manhã com Jornalistas. 
Foto: Marcos Corrêa/PR
Política

Bolsonaro diz que vai demitir presidente dos Correios

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (14), em café da manhã com jornalistas, no Palácio do Planalto, que o presidente dos Correios, Juarez Aparecido Paula Cunha, será demitido do cargo. Na semana passada, em audiência pública na Comissão de Legislação Participativa Câmara do

Economia

Crescimento nos próximos anos será mais equilibrado entre setores, diz ministro

O crescimento da economia deverá ser “mais equilibrado nos diversos setores da economia” nos próximos oito a 12 anos, com a melhoria dos fundamentos da economia. A afirmação é do ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, em café da manhã com jornalistas, em Brasília. O ministro afirmou que a projeção oficial ainda é de crescimento da economia de 2% no próximo ano, mas no Orçamento já foi incorporada à previsão de expansão de 2,5%. “Os fundamentos gerais da economia brasileira são muito saudáveis”, disse o ministro.

Brasília - Presidenta Dilma Rousseff e o ministro Edinho Silva durante café da manhã com jornalistas-setoristas do Palácio do Planalto (José Cruz/Agência Brasil)
Política

Dilma diz que esforço do governo é para impedir aumento do desemprego

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (15), durante café da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto, que o esforço do governo federal é para impedir o aumento nos índices de desemprego. “A grande preocupação do governo é o desemprego.