Últimas notícias escolas de samba Rio 2018

Detalhe de uma alegoria da escola de samba Unidos de Vila Isabel em 2018
Geral

Vila Isabel aborda o futuro das descobertas e invenções na Sapucaí

Com o enredo Corra que o futuro vem aí, a Vila Isabel vai para a Marquês de Sapucaí no domingo (11) abordando descobertas e invenções. “De onde viemos? Aonde vamos? Como escolher o futuro que queremos? A Vila Isabel quer traçar uma trajetória de descobertas e invenções que nos trouxeram até aqui. E que podem nos levar ainda mais longe”, aponta a sinopse do carnavalesco Paulo Barros.

O carnavalesco Renato Lage, há 40 anos trabalhando na festa carioca, espera levar o título pela Grande Rio
Geral

Grande Rio espera "ir para o trono" desfilando história do Chacrinha

Vai para o trono ou não vai? A expressão que entrou para a história da televisão brasileira na voz de José Abelardo Barbosa de Medeiros, o Chacrinha, vai ecoar na Marquês de Sapucaí. O comunicador popular é o homenageado da escola de samba Grande Rio, de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, que será a quinta a entrar na avenida no domingo (11).

As máscaras-símbolo do teatro decoram uma das alegorias em homenagem ao artista Miguel Falabella
Geral

Unidos da Tijuca desfila as várias facetas de Miguel Falabella

A vida agitada do ator, autor de teatro e de novelas, diretor e produtor cultural Miguel Falabella não foi empecilho para participar da montagem do carnaval de 2018 da Unidos da Tijuca, a primeira a desfilar na segunda-feira (12). O artista é o homenageado no enredo Um coração urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem.

O carnavalesco Fábio Ricardo trabalha no barracão da escola - Foto Cristina Índio/Agência Brasil
Geral

De volta à elite do carnaval, Império Serrano desfila as viagens de Marco Polo

A expectativa no Império Serrano para este ano é muito grande. A Verde e Branco de Madureira, na zona norte do Rio, abre os desfiles do grupo especial das escolas de samba. Até o ano passado lutou durante oito anos para vencer na Série A, o antigo grupo de acesso, e poder voltar à considerada elite do carnaval carioca. Conquistou o campeonato em 2017 com o enredo Meu quintal é maior do que o mundo, uma homenagem ao poeta cuiabano Manoel de Barros.

Voltar ao topo da página