Últimas notícias Organização Mundial de Saúde

Sedentarismo e obesidade
Saúde

Mais da metade dos brasileiros está acima do peso

Uma pesquisa do Ministério da Saúde indica que 53% da população brasileira estão com excesso de peso e 45,8% praticam uma atividade física insuficiente.

Direitos Humanos

Decisão da OMS sobre identidade trans deve reforçar políticas públicas

“É apenas o início de tudo”. Assim Keila Simpson, presidenta da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), refere-se à decisão da Organização Mundial de Saúde (OMS) de retirar as identidades trans da lista de transtornos mentais. Keila é uma das muitas pessoas que, por terem assumido uma identidade de gênero diferente daquela atribuída no nascimento, têm suas vidas e seus próprios corpos como expressões de resistência. Por isso, sabe que a decisão da OMS não leva à superação imediata de violências e preconceitos. Mesmo assim, acredita que a decisão quebra paradigmas e pode abrir espaço para mais transformações que vão dar força para as políticas para diversidade.

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, fala a jornalistas sobre o surto de ebola no Congo em coletiva na sede da organização em Genebra, em 14 de maio de 2018.  REUTERS/Denis Balibouse
Internacional

OMS faz reunião de emergência para discutir epidemia de ebola

A Organização Mundial da Saúde (OMS) marcou para amanhã (18) uma reunião de emergência para discutir o surto do vírus ebola na República Democrática do Congo. De acordo com os integrantes da OMS, é necessário considerar os riscos internacionais da doença que avança.

Mosquito Anopheles transmissor da malária
Internacional

Doenças transmitidas por insetos matam mais de um milhão por ano

Os insetos são responsáveis pela transmissão de doenças que matam mais de um milhão de pessoas por ano em todo o mundo. Além dos óbitos, anualmente, registram-se bilhões de casos de patologias também transmitidas por insetos como malária, dengue ou febre-amarela.

Geral

Começa 69ª Assembleia Mundial da Saúde com representantes de 194 países

Começou hoje (23) em Genebra, na Suíça, a 69ª sessão da Assembleia Mundial da Saúde. A expectativa é que o evento, coordenado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), receba até o próximo sábado (28) cerca de 3 mil delegados de 194 países-membros – incluindo o Brasil.

Voltar ao topo da página