Você está aqui

Moradores de Xanxerê poderão entregar declaração do IRPF 2015 até 31 de julho

  • 30/04/2015 09h50publicação
  • Brasílialocalização
Daniel Lima - Repórter da Agência Brasil

irpf_banner

Os moradores de Xanxerê (SC) terão prazo maior para entregar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2015. A portaria com a prorrogação foi publicada hoje (30) no Diário Oficial da União. O prazo para esses contribuintes passa a ser 31 de julho de 2015. Nesta mesma data deverão ser pagos os débitos relativos ao imposto devido, se for o caso.

A cidade foi atingida por um tornado no último dia 20. Para ajudar a população, o governo autorizou o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a antecipar o pagamento de benefícios aos moradores de Xanxerê. Outra medida permite o saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e a emissão de documentos, principalmente, a Carteira de Trabalho.

Para os demais contribuintes, o prazo de entrega da declaração termina nesta quinta-feira às 23h59, horário de Brasília. As pessoas que perderam o prazo estarão sujeitas ao pagamento de multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do imposto devido.

smartphone

Contribuinte poderá preencher declaração de renda por smartphones e tabletsMarcello Casal Jr/Agência Brasil

A declaração poderá ser preenchida no próprio computador, por meio do programa gerador, ou em dispositivos móveis, como tablets ou smartphones, com o aplicativo m-IRPF, ou diretamente no site da Receita Federal, por meio do Centro Virtual de Atendimento (e-CAC). Neste último caso haverá necessidade de uma certificação digital. Para entender melhor todo o processo, existe um passo a passo na página da Receita para o contribuinte agilizar o preenchimento e o envio da declaração.

A Receita Federal disponibilizou também vídeos no site Youtube para tirar dúvidas sobre o preenchimento e a entrega do Imposto de Renda. Chamada de TV Receita Responde, a série tem como objetivo explicar de forma simples os principais assuntos relacionados à declaração do IRPF.

Saiba mais sobre o Imposto de Renda Pessoa Física 2015

Edição: Marcos Chagas