Você está aqui

PM do Rio afasta policiais denunciados por agressão e abuso sexual a jovens

  • 26/12/2015 13h40publicação
  • Rio de Janeirolocalização
Paulo Virgílio* - Repórter da Agência Brasil

A Polícia Militar do Rio de Janeiro confirmou o afastamento e prisão administrativa de oito policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) dos morros da Coroa, Fallet e Fogueteiro, no Catumbi, zona central da cidade. De acordo com denúncia de moradores dessas comunidades, que registraram queixa na 6ª Delegacia Policial, na Cidade Nova, quatro jovens, com idades entre 13 e 23 anos de idade, teriam sido agredidos e sofrido abuso por parte dos policiais, quando voltavam de uma festa no vizinho morro de Santo Amaro, pilotando motos sem o uso de capacetes.

Segundo a denúncia, os agentes feriram com uma faca quente e um isqueiro os quatro jovens, que ainda foram obrigados a ficarem nus e a praticar sexo oral entre eles, enquanto um dos PM os filmava. O fato ocorreu na Rua Prefeito João Felipe, em Santa Teresa, na mesma região.

De acordo com a nota da PM, o comando da UPP Coroa, Fallet e Fogueteiro, tão logo foi informado do fato, determinou a apresentação dos agentes, que após prestarem depoimento na delegacia foram presos administrativamente. A nota informa ainda que a 8ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) abriu um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar os fatos.

(colaborou Joana Moscatelli, do radiojornalismo)

Edição: Graça Adjuto