Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Abdelmassih é transferido para penitenciária no interior de SP

O Tribunal de Justiça de São Paulo cassou a liminar que permitia que o

Publicado em 25/08/2017 - 18:10

Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil São Paulo

epa04360402 A handout picture provided by Paraguayan Antidrugs National Secretary (SENAD) shows Brazilian former doctor Roger Abdelmassih (C) after being detained in Asuncion, Paraguay, 19 August 2014. Abdelmassih, spec

O ex-médico Roger Abdelmassih foi transferido para a Penitenciária de TremembéArquivo/Agência Lusa/Senad

O ex-médico Roger Abdelmassih deixou o Centro Hospitalar do Sistema Penitenciário, no antigo complexo Carandiru, e foi transferido para a Penitenciária de Tremembé, no interior paulista. A informação foi confirmada hoje (25) pela Secretaria de Administração Penitenciária. A transferência, segundo a secretaria, ocorreu na noite de ontem (24).

Abdelmassih estava no centro hospitalar desde o dia 18 de agosto, após decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo que cassou a liminar que permitia que o ex-médico cumprisse pena em prisão domiciliar.

Condenado a 181 anos de prisão por 48 estupros de 37 de suas pacientes, Abdelmassih cumpria, desde julho, prisão em regime domiciliar. No início deste mês, após autorização judicial, o ex-médico esteve internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, devido a uma infecção urinária. A Justiça determinou que, após a internação, ele voltasse ao sistema prisional, mas os advogados de defesa do ex-médico entraram com um habeas corpus para garantir que ele voltasse ao regime domiciliar.

No dia 13 de agosto, os advogados obtiveram a liminar. O Ministério Público, no entanto, pediu reconsideração da liminar e a Turma Julgadora do Tribunal decidiu, no dia 17 de agosto, mandar Abdelmassih novamente para o sistema prisional para o cumprimento da pena.

Edição: Fábio Massalli

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias