Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Polícia indicia dois filhos de Flordelis pelo assassinato do marido

Crime ocorreu em 16 de junho

Publicado em 14/08/2019 - 17:36

Por Vinícius Lisboa - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro

A Polícia Civil do Rio de Janeiro indiciou dois filhos da deputada federal Flordelis dos Santos pelo assassinato de seu marido, pastor Anderson do Carmo de Souza. A titular da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí, Bárbara Lomba, pediu ainda a prisão preventiva dos dois, que já estão presos desde 20 de junho.

Ao entregar o inquérito ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, a delegacia especializada pediu que Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas Cezar dos Santos de Souza respondam pelo crime de homicídio qualificado.

Ouça na Rádio Nacional:

A delegada titular da delegacia especializada desmembrou as investigações e dará início agora à segunda fase do inquérito, para identificar possíveis coautores do crime.

Anderson foi assassinado a tiros em 16 de junho, logo após ter chegado em casa, na cidade de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro. Foram encontradas 30 perfurações de balas em seu corpo e seu aparelho celular desapareceu no dia do crime.

A defesa de Lucas Cezar dos Santos de Souza disse à Agência Brasil que seu cliente é inocente e que provas colhidas na investigação mostram que ele saiu da casa antes do crime. "Os elementos colhidos na investigação denotam a não participação do Lucas. Ele esteve na casa, porém saiu muito antes da suposta execução", disse o advogado Victor Viana.

Já a defesa de Flávio criticou a condução das investigações e disse que não teve acesso ao inquérito, nem a depoimentos de seu cliente, que foram prestados sem a presença de um advogado. "Nos traz um alívio que seja remetido ao Judiciário. Sabemos que vamos poder desempenhar o nosso papel com mais lisura, efetividade e mais respeito por parte do Judiciário", disse o advogado Maurício Mayr, acrescentando que a defesa pretende contestar provas e inquirir testemunhas.

Edição: Fernando Fraga

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias