Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

ONU pede mais apoio internacional ao Malawi devido às inundações

Publicado em 30/01/2015 - 10:18

Por Da Agência Lusa Genebra

Peritos da Organização das Nações Unidas (ONU) apelaram hoje (30) à comunidade internacional para reforçar a assistência às populações afetadas pelas cheias no Malawi desde o início do ano.

Em comunicado divulgado nesta sexta-feira, um grupo de peritos em direitos humanos da ONU pediu à comunidade internacional que forneça rapidamente fundos e assistência ao governo do Malawi e aos agentes humanitários na região, no momento em que o país registra uma das piores cheias de sua história.

As enchentes afetaram 638 mil pessoas em 15 distritos do Malawi desde do início do ano, deixando 70 mortos e centenas de vítimas ou desaparecidos, segundo o comunicado. Pelo menos 174 mil pessoas tiveram que se deslocar dentro do país.

Chaloka Beyani, relator especial da ONU sobre os direitos das pessoas deslocadas internamente, destacou a "importância" de uma resposta efetiva e considerou que "a assistência para o retorno e a reconstrução de casas é só um desafio, entre outros".

Além disso, as chuvas contínuas e inundações destruíram os cultivos e o gado, aumentando o risco de fome e má nutrição. “Comunidades rurais pobres perderam tudo e querem assistência para prevenir a fome", disse Hila Elver, relatora especial sobre o direito à alimentação.

Por outro lado, a infraestrutura de saneamento e de higiene deve ser fornecida para prevenir e controlar surtos de paludismo ou cólera, segundo Léo Hellor, relator especial do direito à água e ao saneamento.

O custo chega a 3 milhões de euros, segundo o comunicado da ONU.

As cheias também afetam 240 mil pessoas em Madagascar e Moçambique, onde a assistência internacional é considerada crucial para ajudar a resolver os problemas.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias