Aloysio Nunes chega a Chicago para reunião sobre separação de crianças

Publicado em 05/07/2018 - 10:29 Por Paola De Orte - Repórter da Agência Brasil - CHICAGO

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, desembarcou hoje (5) em Chicago para se reunir com representantes dos diversos postos do Itamaraty nos países da América do Norte e tratar do tema da separação de crianças brasileiras de suas famílias após terem passado pela fronteira entre o México e os Estados Unidos. O ministro dos Direitos Humanos, Gustavo Rocha, também participa da viagem.

Hoje, os ministros visitarão pela manhã um abrigo da rede Heartland Alliance onde estão crianças brasileiras que foram separadas dos pais. A jurisdição consular brasileira de Chicago é a que mais concentra crianças brasileiras nos Estados Unidos: são 33 menores da nacionalidade. Depois, Nunes e Rocha participarão de uma reunião de coordenação com a embaixadora Maria Dulce Silva Barros, subsecretária geral das comunidades brasileiras e de assuntos Consulares e Jurídicos do Itamaraty.

Amanhã (6) e no sábado (7), eles participam de reuniões com embaixadores, chefes de posto e cônsules brasileiros nos Estados Unidos, Canadá e México. Estarão representados no encontro os consulados gerais em Atlanta, Boston, Chicago, Hartford, Houston, Los Angeles, México, Miami, Montreal, Nova York, São Francisco, Toronto, Vancouver e Washington, além das embaixadas na cidade do México, Ottawa e Washington

Atualmente, segundo o Itamaraty, há 55 menores que ainda estão separados de suas famílias. A separação das famílias de brasileiros e de outras nacionalidades é consequência da política de tolerância zero contra a imigração ilegal implementada em maio pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

* Matéria alterada às 10h39 para acrescentar informação sobre o numero de crianças separadas dos pais

Edição: Fernando Fraga

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias