Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Nova Zelândia vai propor reforma na lei sobre armas

Iniciativa ocorre após duplo ataque a mesquitas que deixou 50 mortos

Publicado em 18/03/2019 - 07:53

Por Agência Brasil* Wellington

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse hoje (18) que o governo vai propor, em dez dias, uma reforma na lei sobre armas.

Segundo ela, a iniciativa tem apoio dos três parceiros da coalizão - Partido Trabalhista da Nova Zelândia, Primeiro Partido da Nova Zelândia e Partido Verde.

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, quer mudar a lei que trata de armas    (Arquivo/TVNZ/via REUTERS/direitos reservados)

A proposta ocorre após o ataque duplo às mesquitas, em Christchurch, no qual 50 pessoas morreram e outras 50 ficaram feridas. O governo prepara um memorial nacional em homenagem às vítimas.

Segundo a primeira-ministra, um inquérito investigará os ataques terroristas de Christchurch. O comissário de polícia da Nova Zelândia, Mike Bush, confirmou que o atirador agiu sozinho, mas pode ter tido apoio.

"Acreditamos que havia apenas uma pessoa responsável por isso", disse Bush, que não descartou o apoio de outras pessoas e disse que era "uma parte muito importante da nossa investigação".

*Com informações da DW, agência pública de notícias da Alemanha

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias