Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Cabral deixa Bangu 8 e vai para presídio recém-reformado

Publicado em 28/05/2017 - 15:40

Por Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro

Rio de Janeiro - O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral é levado preso pela operação Lava Jato em viatura da Polícia Federal para a sede do órgão, na Praça Mauá (Fernando Frazão/Agência Brasil)

Cabral sendo levado pela Polícia Federal após prisão na Operação CalicuteFernando Frazão/Arquivo/Agência Brasil

O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral deixou, na manhã de hoje (28), a cela onde estava preso desde 17 de novembro do ano passado, em Bangu 8, no Complexo Penitenciário de Gericinó.

Cabral foi transferido para a Cadeia Pública José Frederico Marques, no bairro de Benfica, que foi totalmente reformada para alojar apenas presos com nível superior e pessoas que devem pensão alimentícia.

Em Benfica, ficarão os presos pela Operação Lava Jato e seus desdobramentos, incluindo a Operação Calicute, que prendeu Cabral e várias pessoas ligadas a sua gestão no governo fluminense.

A informação foi divulgada em nota pela Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap). No total, 146 presos – sendo 53 com nível superior e 93 que devem pensão alimentícia – foram levados para Benfica.

“A nova unidade prisional é monitorada 24 horas por dia através de câmeras instaladas dentro das galerias, portarias, pátio de visitas, banho de sol, entre outros. Ao todo são 53 câmeras, incluindo a que dá acesso à portaria principal, conforme solicitado pela Vara de Execuções Penais”, informou a Seap.

A nova ala tem capacidade para 162 internos. Cada cela, com 16 metros quadrados, pode abrigar seis presos, que ficarão em três beliches. A cela tem vaso sanitário e chuveiro de água fria. Os colchões são de mola e foram anteriormente utilizados pelos atletas da Olimpíada Rio 2016.

Edição: Luana Lourenço

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias