Nova edição da Copa dos Refugiados e Imigrantes envolve 1.100 atletas

Publicado em 26/08/2022 - 19:16 Por Eliane Gonçalves - Repórter da Rádio Nacional - São Paulo

O sorteio das seleções que vão se enfrentar em São Paulo marca o lançamento da nova edição da Copa dos Refugiados e Imigrantes.

Colômbia, Nigéria, Senegal, Venezuela. Essas são algumas das seleções de 48 nacionalidades reunidas para disputar um campeonato de futebol. Parece copa do mundo? Quase isso. É a copa dos Refugiados e Imigrantes. Mais do que um campeonato, um evento de confraternização das pessoas que escolheram o Brasil como segunda casa.

A copa é dividida em sete fases, que vão ser disputadas em seis estados e no Distrito Federal.

São mais de 1.100 atletas escalados e as partidas começam na semana que vem, dia 3 de setembro, nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Curitiba, Porto Alegre, Belo Horizonte e Recife também vão sediar os jogos. Nessa sexta-feira aconteceu o sorteio da chave dos 16 times que vão se enfrentar em São Paulo.

A primeira edição da Copa dos Refugiados aconteceu em 2014. Desde então, o evento cresceu, passou a ser disputado anualmente, mas teve que ser interrompido nos dois últimos anos em função da pandemia de coronavírus. Agora a atividade volta a ser um espaço de defesa pelo direito dos imigrantes e de integração com a sociedade brasileira.

Simon Oxy, coordenador da Copa, explicou porque o futebol foi o meio escolhido para isso.

Simon é da República dos Camarões, já foi jogador de futebol e integra a ONG Pelo Direito de Migrar, instituição responsável pela Copa dos Refugiados. A competição também conta com o apoio das Nações Unidas e do Ministério da Justiça.  O tema da disputa esse ano é “Acolha a imigração: refúgio e migração são direitos humanos”. A final da copa está marcada para outubro na capital paulista.

Edição: Roberto Piza / GT Passos

Últimas notícias
Política

Lula assina demarcação de terras indígenas

Uma das terras indígenas demarcadas é em Aldeia Velha (BA). E a outra é em Cacique Fontoura (MG).

Baixar arquivo
Economia

Haddad antecipa volta ao Brasil e mira pautas econômicas no Congresso

Após participar da 2ª Reunião de Ministros da Fazenda e Presidentes de Bancos Centrais do G20, o ministro brasileiro ainda teria agenda com FMI, Banco Mundial e representantes europeus para assuntos econômicos. 

Baixar arquivo
Saúde

Gestores locais vão decidir sobre ampliação da vacina contra a dengue

O esforço é para que não se perca as doses que vencem dia 30 de abril. A ministra da Saúde, Nísia Trindade, faz apelo para que as famílias levem as crianças e adolescentes aos postos de vacinação. E confirmou que a segunda dose está garantida, para quem tomou a primeira.  

Baixar arquivo
Geral

Mulher que levou morto a banco permanecerá em prisão preventiva

Juíza considerou a gravidade da conduta, o que justificaria a prisão preventiva. A mulher alega que o tio estava vivo quando chegou ao banco, o que é desmentido pelo SAMU.  

Baixar arquivo
Internacional

G20: Haddad cobra recursos dos países para desenvolvimento sustentável

O ministro da fazenda lembrou que os países assumiram compromissos da Agenda 2030 da ONU. Entre eles, o combate à fome e a limitação do aumento da temperatura do planeta.

Baixar arquivo
Cultura

Dia Nacional do Livro Infantil: páginas de diversidade e liberdade

Os escritores Yaguarê Yamã e Priscila Obací contam como viraram escritores de livros infantis e sobre a responsabilidade de dar visibilidade às culturas indígena e negra na infância. 

Baixar arquivo