História Hoje: Dia Internacional de Nelson Mandela

Publicado em 18/07/2023 - 06:00 Por História Hoje - Brasília

Uma data para lembrar que todos podem agir para tornar o mundo um lugar melhor e inspirar mudanças. Com o lema “Está em suas mãos”, a Organização das Nações Unidas celebra, em 18 de julho, o Dia Internacional de Nelson Mandela “em reconhecimento à contribuição do ex-presidente sul-africano para a cultura de paz e liberdade”.

Nelson Mandela nasceu em 18 de julho de 1918, em Cabo Oriental, na África do Sul. Formado em Direito, foi um dos primeiros advogados negros de seu país. Nos anos quarenta, liderou o movimento contra o apartheid e, em 1962, foi preso por traição e condenado à prisão perpétua.

Em 1990, após 27 anos na cadeia, conquistou a sua liberdade. Em 1993, recebeu o Prêmio Nobel da Paz. E, no ano seguinte, Mandela foi eleito e se tornou o primeiro presidente negro da África do Sul.

Durante seu mandato, defendeu a democracia e o fim do sistema de segregação racial. Mandela acreditava que “a paz não é apenas a ausência de conflito; a paz é a criação de um ambiente onde todos possam florescer, independentemente de raça, cor, credo, religião, gênero, classe, casta ou qualquer outro marcador social de diferença”.

Mesmo após a sua morte em 2013, Nelson Mandela segue como um símbolo de luta por justiça e igualdade. Em 2015, a Assembleia Geral da ONU também passou a abordar a promoção de condições humanas nas prisões no Dia Internacional de Nelson Mandela.

História Hoje é um quadro da Rádio Nacional publicado de segunda a sexta-feira na Radioagência Nacional. Ele rememora acontecimentos marcantes e curiosidades de cada dia do ano. Acesse todos os episódios aqui.

História Hoje

Redação e apresentação:: Beatriz Evaristo

Sonoplastia: Jailton Sodré

Edição: Sheily Noleto

Publicação web: Patrícia Serrão

Últimas notícias
Política

Senado aprova PEC que criminaliza posse e porte de drogas

O texto inclui no artigo 5º da Constituição que será crime a posse e o porte de droga sem autorização independente da quantidade. 

Baixar arquivo
Política

Lewandowski defende veto parcial à lei que proíbe a chamada saidinha

Para o ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, o veto do presidente Lula a pontos da lei que restringe as saídas temporárias de detentos, conhecidas como saidinhas, foi em defesa da família.

Baixar arquivo
Internacional

Israel continua a dificultar assistência em Gaza, acusa ONU

ONU também pede que seja facilitada a saída de crianças feridas que precisam de tratamento. E mais: incêndio atinge prédio histórico em Copenhague. E Estados Unidos fornecem informações sobre Julian Assange à justiça do Reino Unido.

Baixar arquivo
Geral

Inmet emite alerta laranja de perigo para chuvas intensas

Aviso laranja de perigo pra chuvas intensas inclui ventos fortes, risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e  descargas elétricas.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

“Quem tem fome, tem urgência”, afirma Joenia Wapichana

Em entrevista, a presidente da Funai falou da distribuição de cestas de alimentos para povos indígenas e de kits de ferramentas, para o desenvolvimento da agricultura. Também destacou a importância da demarcação das terras indígenas e o acesso à documentação civil. 

Baixar arquivo
Geral

Mais de 20 instituições federais de ensino estão em greve

Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior recusou a proposta do governo de reajuste de 4,5% no ano que vem e também em 2026. Mas sem reajuste para 2024.

Baixar arquivo