Pix chega trazendo vantagens em transações bancárias sobre os bancos

Operação no Pix é concluída em no máximo 10 segundos, 24h/dia

Publicado em 16/10/2020 - 15:54 Por Anna Luisa Praser - Brasília

Você sabe o que é Pix? É uma nova transação que está chegando ao Brasil depois de já ter sido implementada em vários países.

A promessa é de que chegue trazendo uma série de vantagens na hora de fazer transferências e receber dinheiro. É que com o Pix a operação bancária é concluída em no máximo 10 segundos. Além do mais, o sistema funciona 24 horas por dia e 7 dias da semana, o que coloca fim à espera de que os saldos caiam na conta quando as operações forem feitas durante o fim de semana e feriados.

O economista e presidente do conselho de economia do Distrito Federal, César Bergo, destaca algumas vantagens de aderir ao PIX:

Essa nova funcionalidade também elimina de uma vez por todas as necessidades de cadastrar número de conta, agência e CPF na hora de receber uma transação. Com o PIX, você precisará informar apenas a chave cadastrada, que poderá ser, o seu CPF, que já é um número memorizado, telefone ou ainda um endereço de e-mail.

Caso você não queira nenhuma dessas chaves, os bancos ainda podem gerar uma com números aleatórios você.

Mas atenção, quem não se sentir à vontade poderá continuar usando as transações já tradicionais, como TED, DOC e pagamento de boletos, por exemplo, sem que nenhum cliente seja prejudicado.

Para pessoas físicas, tanto o cadastro quanto o uso do PIX não terão nenhum tipo de taxa. E se você estiver se perguntando o que os bancos ganham, já que a operação não tem custos, o economista Cesar Bergo vai tirar essa dúvida:

O Pix começa a funcionar efetivamente no Brasil no dia 16 de novembro. De acordo com o último balanço do Banco Central, divulgado nessa quinta-feira, mais de 36 milhões e meio de pessoas já haviam feito o cadastro de chaves.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

São Paulo continua vacinando adolescentes entre 12 e 17 anos

Na capital paulista, são quase 850 mil pessoas nessa faixa etária e mais 86% já receberam a primeira dose da vacina.Para se vacinar, os adolescentes precisam estar acompanhados de um responsável.

Baixar arquivo
Saúde

Eduardo Paes flexibiliza medidas de restrição no Rio de Janeiro

O decreto publicado nesta sexta-feira (17) no Diário Oficial do município autoriza eventos em ginásios e estádios com 50% da capacidade total de público, desde que todos estejam com o esquema vacinal completo contra a covid-19.

Baixar arquivo
Geral

Polícia e MP fazem operação contra traficantes que criaram "delivery"

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro realizam, nesta sexta-feira, uma operação contra traficantes, que criaram um serviço de delivery para venda de drogas em áreas nobres da Barra da Tijuca e da Zona Sul carioca.

Baixar arquivo
Saúde

Rio volta a suspender aplicação da CoronaVac

A decisão, que entrou em vigor nesta sexta-feira (17), foi anunciada pela Secretaria Municipal de Saúde, que aguarda agora a liberação de um lote com 166 mil vacinas, suspenso de forma cautelar pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Baixar arquivo
Esportes

CRB e Vasco ficam no empate pela Série B

CRB e Vasco empataram em 1 a 1. Cruzeiro e Operário (PR) também ficaram no 1 a 1. O Remo venceu o Avaí por 2 a 1.

Baixar arquivo
Saúde

Ministério da Saúde muda recomendação sobre vacinação de adolescentes

Porém, os conselhos que representam os secretários estaduais e municipais de Saúde defenderam a continuidade da vacinação na faixa etária de 12 a 17 anos e disseram que não foram consultados sobre a mudança. Para eles, a decisão não tem base técnica e científica, e coloca em risco a principal ação de controle da pandemia, que é a vacinação.

Baixar arquivo