IBGE: desemprego atinge mais mulheres e pessoas pretas e pardas

Maiores taxas de desemprego foram registradas na Bahia

Publicado em 13/05/2022 - 17:19 Por Tâmara Freire - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

A angústia da falta de emprego atinge mais as mulheres e as pessoas pretas e pardas, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira (13) pelo IBGE. A taxa de desocupação, no primeiro trimestre deste ano, ficou em 9,1% entre os homens e 8,9% entre as pessoas brancas, abaixo da média nacional, que ficou em 11,1%. Mas a proporção de desempregados sobe para 13,7% entre as mulheres e para 13,3% considerando apenas as pessoas pretas.

Um olhar para o contingente que está à procura de uma vaga mostra ainda que 67,2% dele é composto por negros e 34,8% por brancos. A diferença de gênero também é significativa, como aponta a coordenadora de Trabalho e Renda do instituto, Adriana Beringuy.

O levantamento mostra ainda que muitos brasileiros estão tentando se recolocar no mercado de trabalho há mais de dois anos. Essas pessoas somaram quase 3,5 milhões no primeiro trimestre deste ano, o que corresponde há aproximadamente 29% do total de desempregados, ou três em cada dez. Adriana Beringuy também explica que a taxa de desemprego manifestou diferenças regionais.

Os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua apontam ainda que as maiores taxas de desemprego no começo deste ano foram registradas na Bahia, onde chegou a 17,6%, e Pernambuco, com 17%. Também se destaca a proporção de 14,9% de desempregados do Rio de Janeiro, destoando da média da região Sudeste.

Na outra ponta, o menor índice foi verificado em Santa Catarina, com 4,5%. Na comparação com o trimestre imediatamente anterior, as taxas ficaram estáveis em 26 das 27 unidades da federação, à exceção do Amapá, onde caiu 3,3%.

Edição: Rádio Nacional/ Renata Batista

Últimas notícias
Economia

Congresso debate importância do petróleo na transição energética

A redução das emissões de carbono no setor de óleo e gás foi um dos assuntos abordados nesta quinta-feira no Congresso Mercado Global de Carbono – Descarbonização & Investimentos Verdes.

Baixar arquivo
Geral

Podcast Entrevista é Nacional: a luta contra o abuso sexual infantil

A campanha Maio Laranja é um incentivo ao combate ao abuso e à exploração sexual infantil no Brasil.  A presidente do Instituto Infância Protegida, Raquel Vieira de Andrade Oliveira, fala da importância de conscientizar toda sociedade para evitar situações que colocam as crianças em risco

Baixar arquivo
Justiça

Supremo decide manter a Lei Seca com tolerância zero

O Supremo Tribunal Federal decidiu, por 10 votos a um, manter a Lei Seca do jeito que está: com tolerância zero, fiscalização rigorosa e punições exemplares. A maioria dos ministros acompanhou o entendimento do relator e presidente do STF, Luiz Fux.

Baixar arquivo
Política

Corregedoria da Câmara de SP abre processo por racismo contra vereador

A relatora foi a vereadora Elaine Mineiro, do PSOL, que recomendou a cassação de Camilo Cristófaro, sem partido.

Baixar arquivo
Geral

SP: Polícia Civil analisa novas imagens de ônibus de dupla sertaneja

No último dia 7 de maio, o ônibus tombou e matou 6 pessoas, entre elas o do cantor Aleksandro, que fazia dupla com Conrado, na altura da cidade de Miracatu, no interior de São Paulo.

Baixar arquivo
Economia

Ministério da Economia prevê inflação de 7,9% para 2022

A Secretaria de Política Econômica justificou que o aumento dos preços dos alimentos, dos combustíveis e dos serviços fez a equipe do governo revisar para cima a previsão do IPCA para 2022.

Baixar arquivo