Altos preços no Brasil e pandemia aumentam "turismo de proximidade"

Publicado em 18/07/2022 - 15:35 Por Leandro Martins - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

Cerca de 57% das viagens de turismo no Brasil em 2021 aconteceram em carro particular, ou de empresas, ou ainda, de ônibus. E é esse tipo de turismo, que se fortaleceu a partir da pandemia de covid-19 e da alta nos preços das passagens aéreas, que vem predominando. É o que aponta um estudo feito pelo Ministério do Turismo e o IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Essa modalidade de turismo, que costuma acontecer para locais de até 300 quilômetros de distância, está sendo chamada de "Turismo de proximidade", ou em um termo em inglês, Staycation.

Para o presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), Alexandre Sampaio, o staycation não tem força para repor todo o volume de turismo que foi impactado pela covid e a inflação nos preços das passagens. Mas, ele acredita que essa modalidade veio para ficar.

São Paulo aparece entre os destinos mais procurados, seguido por Minas Gerais. Aliás, as cidades históricas mineiras, como Tiradentes e Ouro Preto, são para onde a servidora pública Melissa Marão, que mora na capital Belo Horizonte, tem escolhido pra passear.

Para se ter uma ideia na queda do turismo desde o surgimento da pandemia, de acordo com o estudo do IBGE, em 2019, 22% dos lares brasileiros tinham moradores que fizeram pelo menos uma viagem. Em 2020, esse número caiu para 14%. E em 2021, não chegou a 13% a porcentagem de domicílios em que alguém viajou naquele ano.

Edição: Leila dos Santos / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Eleições 2020

Barco com corpos à deriva é encontrado no litoral do Pará

O inquérito está sob a responsabilidade da Polícia Federal no Pará que enviou equipes para a região.  

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Ministério da Saúde inicia Mês de Vacinação dos Povos Indígenas

O Ministério da Saúde inicia neste sábado, 13, o mês de vacinação dos povos indígenas. A proposta é intensificar a imunização em territórios indígenas, ampliando a cobertura vacinal, sobretudo em áreas de difícil acesso.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Ministério dos Esportes condena atos de racismo a alunos do DF

O Ministério dos Esportes condenou, neste sábado, os ataques racistas sofridos por estudantes no Distrito Federal. Alunos foram chamados de “macaco”, “filho de empregada” e “pobrinho” durante uma partida de futebol de salão entre colégios de Brasília. O caso aconteceu em três de abril e veio à tona, nesta semana.

Baixar arquivo
Internacional

Lula visitará Colômbia para fortalecer laços comerciais

A Colômbia é o terceiro maior parceiro comercial do Brasil, atrás apenas dos Estados Unidos e da China.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Governo garante amparo a gestantes em cargos públicos provisórios

Mulheres que trabalham na administração pública em cargo em comissão ou são contratadas por tempo determinado têm garantido o direito à licença-maternidade e à estabilidade provisória.

Baixar arquivo
Geral

Inmet alerta para risco de chuvas intensas pelo Brasil

A previsão é de acumulados de chuva variando entre 30 e 60 milímetros por hora ou entre 50 e 100 milímetros por dia,

Baixar arquivo