É melhor pagar o IPTU à vista ou parcelado? Economista orienta

Publicado em 11/02/2023 - 08:17 Por Márcia Vieira - Repórter da Rádio Universitária FM - Fortaleza

Os primeiros meses do ano são sempre marcados por muitas despesas. Os gastos abrangem compra de material escolar, pagamento de matrícula em escolas e de alguns impostos. Um desses tributos é o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), cujo valor, dependendo do imóvel, pode pesar bastante no bolso do contribuinte.

Uma dúvida bastante comum sobre esse imposto está relacionada à condição de pagamento: afinal, é melhor pagar à vista ou parcelado? O economista Lauro Chaves Neto, professor da Uece, PhD em Desenvolvimento Regional, destaca que a condição orçamentária do contribuinte é que vai definir o que é mais vantajoso:

“A decisão de pagar o IPTU à vista ou parcelado depende principalmente da condição orçamentária de cada pessoa. Se existir folga financeira que possibilite esse pagamento antecipado, de uma vez só, ele possibilita um desconto - e assim, às vezes, preferencialmente você pode pagar à vista tanto em IPTU como IPVA. No caso de não haver disponibilidade financeira, evite-se se descapitalizar e se endividar para pagar isso à vista”.

Para o economista Lauro Chaves Neto, pagar à vista significa, entre outros pontos positivos, obter descontos e eliminar a exaustiva tarefa de passar meses pagando uma determinada conta.

“O pagamento à vista é sempre vantajoso quando você obtém descontos e quando você elimina a tarefa burocrática de pagar isso durante vários meses seguidos, principalmente levando em conta a questão financeira. Quando você obtém desconto - que eles normalmente são superiores ao que se obteria com esse dinheiro aplicado - e isso faz com que seja financeiramente vantajoso”.

O economista Lauro Chaves Neto orienta que a melhor forma de passar pelo período de acúmulo de despesas no início do ano é fazendo um bom planejamento financeiro no ano anterior.

“É, ao longo do ano, você se preparar para isso. Passado esse período inicial, você pode, durante o ano, reservar uma pequena parcela do seu salário para quando chegar em janeiro de 2024, você não enfrentar novamente esse problema. Outra alternativa é reservar o décimo terceiro, ou uma parte dele, para essas despesas”.

Outras orientações para evitar ficar no vermelho logo no início do ano: evitar ao máximo recorrer a empréstimos, limites do cheque especial ou qualquer outra maneira de crédito do mercado.

Edição: Rádio Nacional / Nathália Mendes

Últimas notícias
Geral

FAB está de prontidão para resgatar brasileiros em áreas de conflito

Após os ataques do Irã a Israel, o governo brasileiro informou que está pronto, caso necessário, para resgatar brasileiros na área de conflito. Em nota, a Força Aérea Brasileira afirma se manter em prontidão para atuar a qualquer hora e em qualquer local, assim que for acionada pelas autoridades.

Baixar arquivo
Internacional

Conselho de Segurança da ONU faz reunião de emergência neste domingo

A reunião acontece após pedido de Israel, que foi atacado pelo Irã na noite desse sábado (13). O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, já se manifestou condenando o ataque iraniano e pedindo “o fim imediato das hostilidades”.

Baixar arquivo
Geral

Lei que criminaliza bullying prevê pena de até quatro anos de prisão

O objetivo da lei, sancionada este ano, é inibir essa prática nas escolas e, principalmente, no mundo virtual, onde o Brasil está no topo da lista nesse assunto. Menores de idade podem ser responsabilizados pela Vara da Infância e da Juventude.

Baixar arquivo
Geral

Brasil pede esforço para conter escalada de tensão no Oriente Médio

O governo brasileiro manifestou grave preocupação com os relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel. O comunicado pede que todas as partes envolvidas exerçam máxima contenção e chama a comunidade internacional para mobilizar esforços e evitar uma escalada.

Baixar arquivo
Internacional

Ruas de Israel amanhecem vazias após ataques do Irã

Domingo é o primeiro dia da semana de trabalho em Israel. Depois de uma madrugada em claro, acompanhando ao vivo os ataques, os israelenses acordaram com uma sensação ambígua: o alívio pelo bom funcionamento do sistema de defesa, mas também o temor do que está por vir.

Baixar arquivo
Política

Renegociação de dívidas e PEC das Drogas agitam o Senado

PEC das Drogas, renegociação de dívida dos estados, revisão do Código Civil, Imposto de Renda. A semana vai ser cheia no Senado.

Baixar arquivo