Estudantes ocupam universidades baianas em protesto contra PEC 241

Publicado em 25/10/2016 - 11:20 Por Sayonara Moreno - Salvador

Os estudantes da Universidade Federal da Bahia (UFBA), do campus de Vitória da Conquista, decidiram ocupar o prédio da instituição. Em toda a Bahia, outras universidades, estaduais e federais, também contam com a mobilização de estudantes ou técnico-administrativos, contra a Proposta de Emenda à Constituição 241 (PEC 241).

 

Além das universidades, oito institutos federais baianos tiveram campi ocupados por estudantes.

 

Outras duas assembleias ocorreram na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e na Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob), que está ocupada em três dos cinco campi (Barreiras, Santa Maria da Vitória e Barra). Além disso, a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) está com três campi ocupados, em Vitória da Conquista, Itapetinga e Jequié.

 

Os discentes da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) mantêm ocupados todos os seis campi da instituição, distribuídos em seis cidades baianas. A Universidade do Estado da Bahia (Uneb), também está sem aulas, em cerca de dez cidades, devido à ocupação.

 

Os servidores da UFBA deflagraram greve contra a PEC 241. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Universidades Públicas Federais no Estado da Bahia, a greve teve início depois que alguns servidores fecharam a entrada principal de um dos campi da UFBA, no bairro de Ondina. Ainda de acordo com o sindicato, uma assembleia da categoria está marcada para esta terça-feira, quando os trabalhadores decidirão a continuidade e organização do movimento grevista.

 


Nos sites institucionais, a UFRB, UFob, UEFS (Universidade Federal de Feira de Santana), Uneb e Uesb divulgaram notas, onde relatam “preocupação com os rumos da educação nacional” e prestam solidariedade e apoio às mobilizações.

 

Últimas notícias
Segurança

Região metropolita do Rio registra 40 mortos e 75 feridos em roubos

A região metropolitana do Rio de Janeiro registrou 116 roubos ou tentativas de roubo no primeiro semestre do ano. De acordo com relatório divulgado pelo Instituto Fogo Cruzado, as ocorrências terminaram com ao menos 40 mortos e 75 feridos.

Baixar arquivo
Economia

ICMS: Minas e Energia faz projeção da redução no preço de combustíveis

O Ministério de Minas e Energia estima uma redução média R$ 0,31 no litro do etanol e de até R 1,55 na gasolina, após a fixação do ICMS em todo país. Ao menos 23 entes federativos já reduziram a alíquota.

Baixar arquivo
Política

Senado aprova fim do uso da tese de defesa da honra para feminicídios

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou o projeto de lei que proíbe o uso da tese de legítima defesa da honra como argumento para a absolvição de acusados de feminicídio em julgamentos.

Baixar arquivo
Cultura

Novas leis de incentivo à cultura devem injetar R$ 19 bilhões no setor

Ativistas da cultura esperam que os recursos ajudem a fortalecer os trabalhadores do setor após dois anos de pandemia.

Baixar arquivo
Economia

Ferros-velhos do RJ vão precisar de autorização para atuar no setor

Ferros-velhos situados nos 92 municípios fluminenses vão precisar de autorização da Secretaria de Estado da Polícia Civil do Rio de Janeiro para funcionar. O prazo de cadastro vai até 17 de agosto.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz: 20 estados estão com alta de casos de síndrome respiratória

O novo Boletim InfoGripe da Fiocruz indica sinal de crescimento do número de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave em 20 das 27 unidades federativas do país. Entre as capitais, 19 apresentam sinal de crescimento na tendência de longo prazo.

Baixar arquivo