Correios vão usar navegação entre portos para melhorar entrega de livros didáticos

Livros didáticos

Publicado em 02/07/2020 - 19:58 Por Adalto Gouveia (produção: Rosemary Cavalcante) - Brasília

Os Correios vão modernizar a entrega de livros didáticos em 2021. A empresa vai contratar o sistema de cabotagem, que é a navegação entre portos dentro do país. Com isso, pretende  distribuir mais de 17 mil toneladas de publicações em todo o Brasil.

 

A abertura do pregão eletrônico para contratação dos serviços de transporte de cargas, por navio, está prevista para o dia 20 deste mês de  julho.

 

O diretor de Operações dos Correios, Carlos Henrique Ribeiro, explicou como será a distribuição dos livros escolares em vários estados com a contratação do novo modal de transporte.

 

Em cinco lotes, os contratos vão contemplar os modais marítimo e rodoviário.

 

Carlos Ribeiro falou também sobre a vantagem de utilizar o sistema de cabotagem no transporte de livros didáticos.

 

A outra vantagem, segundo o diretor, é que a distribuição dos livros didáticos  é sazonal. O planejamento começa em janeiro e a operação vai de julho a fevereiro. Ele acrescentou que, embora seja comum entre instituições privadas, o uso do modal marítimo é algo inédito na administração pública.

Últimas notícias
Geral

SP: Polícia Civil analisa novas imagens de ônibus de dupla sertaneja

No último dia 7 de maio, o ônibus tombou e matou 6 pessoas, entre elas o do cantor Aleksandro, que fazia dupla com Conrado, na altura da cidade de Miracatu, no interior de São Paulo.

Baixar arquivo
Economia

Ministério da Economia prevê inflação de 7,9% para 2022

A Secretaria de Política Econômica justificou que o aumento dos preços dos alimentos, dos combustíveis e dos serviços fez a equipe do governo revisar para cima a previsão do IPCA para 2022.

Baixar arquivo
Saúde

Doação de leite humano só atende metade da demanda no Brasil

Dia Mundial de Doação de Leite Humano, celebrado nesta quinta-feira (19), é uma iniciativa para a proteção e promoção do aleitamento materno. 

Baixar arquivo
Política

Presidente da República almoça com embaixadores de 18 países no Rio

Como exemplo de situações de instabilidade mundial, que demonstram a segurança oferecida pelo Brasil, Jair Bolsonaro citou os riscos de desabastecimento que vários países vêm passando.

Baixar arquivo
Geral

Rio de Janeiro: crimes contra a vida têm queda de 17%

Os dados são relativos aos primeiros quatro meses de 2022 na comparação com o mesmo período do ano passado. Foram 1.025 vítimas, o menor número desde 1991.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: número de testes positivos em farmácias cresce 54% em maio

Dos 210 mil testes realizados na primeira quinzena do mês, quase 50 mil comprovaram a infecção pelo coronavírus. Já em abril, foram 262 mil no total e cerca de 32 mil confirmaram a presença do Sars-Cov-2.

Baixar arquivo