Mais da metade dos alunos no RJ têm problemas para acessar internet

Um a cada 10 estudantes não possuem qualquer conexão

Publicado em 01/10/2020 - 17:46 Por Lígia Souto - Rio de Janeiro

54% dos alunos do Rio de Janeiro enfrentam problemas de acesso à internet. Desses, 10% não dispõem de qualquer tipo de conexão. Também um a cada dois estudantes precisa compartilhar o aparelho eletrônico, seja celular, tablet ou computador. Essas são algumas das conclusões de uma pesquisa realizada pela Defensoria Pública do Estado.

O levantamento mapeou as dificuldades do chamado regime especial domiciliar de ensino, aplicado durante o período de pandemia do novo coronavírus. E revelou que 12% dos estudantes conseguem acessar as aulas online, enquanto apenas 1% recebeu das escolas chips pré-pagos para acompanhar o ensino remoto. Já a parcela daqueles que receberam material didático impresso chegou a 29%.

De acordo com a Defensoria, os resultados tiveram como base as respostas colhidas em formulário online compartilhado por aplicativo de mensagens. Ao todo, mais de 6 mil pais e alunos preencheram o questionário, entre junho e julho. A maioria dos entrevistados pertence à rede pública de ensino.

A dificuldade de compreensão do material didático oferecido à distância foi sentida por 67% dos estudantes. Além disso, metade das crianças e adolescentes também não conta com auxílio de um adulto no estudo em casa. E 75% dos responsáveis não tiveram qualquer tipo de orientação para desempenhar essa função.

O levantamento abordou ainda questões relacionadas à alimentação, revelando que 73% dos entrevistados não receberam alimentos nem ajuda financeira para substituir a merenda escolar durante a quarentena.

Na avaliação do ouvidor-geral da Defensoria, Guilherme Pimentel, a dificuldade no acesso aos benefícios também prejudicou o aprendizado nesse período.

Guilherme Pimentel acrescenta que as estratégias de ensino à distância adotadas durante o isolamento social imposto pela pandemia reforçaram as desigualdades entre os estudantes.

Dos 6.139 formulários, 61% foram preenchidos por moradores do município do Rio. Duque de Caxias, São João de Meriti, São Gonçalo, Niterói, Belford Roxo e Nova Iguaçu foram as outras cidades com maior participação na pesquisa.

Edição: Sumaia Villela

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Confiança do consumidor recua 6,5 pontos em setembro, diz FGV

Com isso, o indicador atingiu 75,3 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos, o menor patamar desde abril deste ano.

Baixar arquivo
Saúde

TJSP vai exigir comprovante de vacinação contra a covid-19

O público vai ter de apresentar o cartão contendo a aplicação de pelo menos uma dose de uma das vacinas aprovadas pela Anvisa. Pode ser o cartão impresso ou digital.

Baixar arquivo
Educação

Enem: terminam hoje (24) inscrições para pessoas privadas de liberdade

Os interessados devem ser inscritos pelo responsável pedagógico até as 23h59. Também podem participar desta modalidade os adolescentes sob medidas socioeducativas que inclua a privação de liberdade.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz vai entregar nova remessa de vacinas contra covid nesta sexta

O carregamento, somado aos lotes liberados nesta semana, alcança um total de 4,6 milhões de doses.

Baixar arquivo
Esportes

Confira os resultados de quinta-feira (23) no futebol

Na Série B do Campeonato Brasileiro, o CSA derrotou o Botafogo por 2 a 0. Na Copa Sul-Americana, o Athletico Paranaense foi até o Uruguai e venceu o Peñarol  por 2 a 1 na primeira partida das semifinais.

Baixar arquivo
Saúde

Pesquisadores descobrem vírus parecido com o da covid-19 em morcegos

Ele foi descoberto justamente durante uma pesquisa para tentar desvendar a origem do Sars-Cov-2, que se transformou na pior pandemia dos últimos tempos.

Baixar arquivo