Sistema presencial ou remoto? Estados iniciam retomada das aulas

Para especialista retorno está sendo feito com pouco diálogo

Publicado em 18/02/2021 - 13:23 Por Lucas Pordeus León - Brasília

O sistema público de ensino de Santa Catarina, Paraná, Amazonas e da cidade de Natal retomaram as aulas nesta quinta-feira (18). No caso das escolas estaduais de Santa Catarina e das municipais de Curitiba, a volta às aulas é no sistema híbrido, podendo ser presencial ou remoto, ou misto. No caso do Amazonas, tanto as escolas estaduais quanto as municipais de Manaus, terão aulas 100% remotas, mesma situação das escolas estaduais do Paraná num primeiro momento, e da cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

No estado de Santa Catarina, o governo autorizou a reabertura das 1.063 unidades para o ensino presencial. O sistema de ensino envolve 527 mil alunos. A secretaria de Educação determinou um distanciamento de 1,5 metro entre as carteiras. As escolas sem infraestrutura para manter esse distanciamento devem realizar o ensino remoto ou misto. Os pais ou responsáveis de Santa Catarina que não queiram o ensino presencial também poderão assinar um termo de responsabilidade para manter as crianças 100% no ensino remoto.

No sistema estadual de ensino do Paraná as aulas também começam nesta quinta-feira (18) para 1,076 milhão. Essa semana e a próxima serão de aulas remotas e de preparação para o retorno ao presencial, marcado para o dia 1º de março.

Já os 140 mil alunos da rede municipal de Curitiba, capital do Paraná, retornam às atividades presenciais ainda em fevereiro, com ensino remoto hoje e amanhã e o retorno ao presencial na próxima segunda-feira, dia 22. Segundo a secretaria de educação de Curitiba, 61% das famílias optaram pelo modelo híbrido e 39% pelo formato remoto.

A professora da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, Catarina de Almeida Santos, diz que o retorno está sendo feito com pouco diálogo.

Segundo levantamento do Conselho Nacional de Secretários de Educação, 15 estados começam o ano letivo ainda em fevereiro, entre eles, Rio de Janeiro, São Paulo, Pará e Pernambuco, variando entre aulas remotas e híbridas. Goiás foi a única unidade da federação que iniciou o ano letivo em janeiro e a Bahia ainda não divulgou data para retorno das escolas públicas. Outros 9 estados mais o Distrito Federal devem começar as aulas em março, entre eles, Minas Gerais, Paraíba e Rio Grande do Sul.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Governo restringe entrada de estrangeiros vindos da Índia

Após recomendação da Anvisa, o governo federal proibiu temporariamente a entrada no país de passageiros estrangeiros de voos com origem ou passagem pela Índia, pelo Reino Unido, pela Irlanda do Norte e pela África do Sul.

Baixar arquivo
Geral

Quadro de saúde de Bruno Covas é irreversível, segundo boletim médico

Covas soube que estava com câncer entre o esôfago e o estômago em 2019. Internado desde 02 de maio no hospital Sírio-Libanês, ele está sedado e acompanhado de familiares.

Baixar arquivo
Saúde

Município de Botucatu realiza vacinação em massa

A iniciativa consiste em estudo da vacina produzida pelo laboratório Astrazeneca; e é resultado de parceria entre a Prefeitura, Governo Federal, Unesp, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu e Fundação Gates.

Baixar arquivo
Saúde

Rio de Janeiro tem melhora no risco da pandemia

A região norte saiu da bandeira laranja e passou para a amarela, risco baixo; e a região litorânea foi da laranja para a vermelha. Com as mudanças o estado fica na bandeira laranja, que indica risco moderado.

Baixar arquivo
Política

Corpo de Picciani é cremado em cerimônia no Rio de Janeiro

Jorge Picciani morreu aos 66 anos, na madrugada dessa sexta-feira, no hospital Vila Nova Star, em  São Paulo, onde estava internado desde o dia 8 de abril, para tratar de um câncer na bexiga.

Baixar arquivo
Saúde

Lewandowski concede a Pazuello direito de ficar em silêncio na CPI

A decisão contempla parcialmente o pedido de habeas corpus feito pela Advocacia-Geral da União e inclui o direito a não responder perguntas que possam incriminá-lo em seu depoimento, marcado para a próxima quarta-feira (19).

Baixar arquivo