Comissão cobra de Guedes solução para financiar internet em escolas

Governo entrou com ação no STF contra a nova lei

Publicado em 12/08/2021 - 19:00 Por Lucas Pordeus León - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados cobrou, nesta quinta-feira (12), do ministro da Economia, Paulo Guedes, uma solução para financiar internet nas escolas públicas brasileiras.

A lei aprovada pelo Congresso, em fevereiro deste ano, que destinava R$ 3,5 bilhões para bancar internet de alunos de baixa renda foi vetada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Mas, o parlamento derrubou o veto e o governo entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal contra a nova lei. O ministro Paulo Guedes justificou a decisão.

Os parlamentares afirmaram que a aprovação da lei e a derrubada do veto foram acordadas com o governo, como lembrou a deputada professora Rosa Neide, do PT.

O ministro Paulo Guedes respondeu que ele não é responsável pela articulação política e que a ação no STF ficou a cargo da Advocacia-Geral da União (AGU).

A presidente da Comissão de Educação, professora Dorinha, do Democratas, pediu uma nova reunião para costurar um acordo que garanta o recurso para a internet de alunos de escolas públicas.

Após a sugestão da deputada, o ministro Paulo Guedes concordou que uma saída seria destinar os recursos do leilão da internet 5G para bancar o acesso dos alunos, apesar de o ministro das Comunicações, Fábio Faria, ter informado que não poderia incluir o total das escolas no edital para não atrasar o leilão.

Segundo Faria, um grupo de 89 mil escolas deverá ser conectado à internet com a nova tecnologia.

Edição: Bianca Paiva/ Renata Batista

Últimas notícias
Geral

Distrito Federal abre abrigo provisório depois de recorde de frio

Por enquanto, são 100 vagas a serem preenchidas por ordem de chegada, para pernoite, das 20h até as 8h, no Ginásio do Centro Integrado de Educação Física, na quadra 907 Sul, região central da capital federal.

Baixar arquivo
Geral

Divulgada a lista de aprovados do concurso para o Censo 2022, do IBGE

Agora a próxima etapa será a de convocação e depois os aprovados serão chamados pelo IBGE para realizar treinamento.

Baixar arquivo
Economia

Equipe econômica aumenta previsão de alta para a inflação deste ano

De acordo com o Relatório de Receitas e Despesas do segundo bimestre, a inflação que, na previsão anterior, encerraria o ano em 6,5%, agora deve chegar a 7,9%, mais que o dobro do centro da meta de inflação anunciada para este ano, que seria de 3,5%. Já a previsão da taxa Selic subiu de 11,6% ao ano para 12,2%.

Baixar arquivo
Saúde

Brasileiro é o 1º caso de varíola dos macacos registrado na Alemanha

O rapaz, de 26 anos, viajou também para Portugal e Espanha antes de chegar a Alemanha. Ele estava há uma semana em Munique, cidade ao sul do país. A informação foi divulgada pelo Instituto de Microbiologia de Bundeswehr, ligado às forças armadas alemãs.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Agricultura lança campanha de promoção do produto orgânico

A campanha tem como objetivo detalhar os mecanismos de controle da qualidade orgânica que são utilizados no Brasil. Ou seja, ajudar o consumidor a identificar se determinado produto no mercado é orgânico e também a reconhecer as fraudes.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Frio começa a perder força na área central do país

O deslocamento de uma frente fria sobre o litoral da Bahia, associada a alta convergência de umidade vinda do Oceano Atlântico, vai favorecer a ocorrência de fortes chuvas no norte da região Nordeste.

Baixar arquivo