Prazo de recurso sobre dispensa de prova do Enade termina em março

Publicado em 23/02/2024 - 13:02 Por Gabriel Brum - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O estudante que teve o pedido de dispensa da prova Enade negado tem até o dia 6 de março para entrar com um recurso. Ele vai ter que comprovar o motivo de ter faltado no dia da prova.

Entre as situações previstas como justificativas de ausência estão: acidente, assalto, casamento, ou perda ou roubo do documento de identidade, entre outros.

Os casos de ausência por motivos pessoais ou profissionais deveriam ter sido apresentados no início de fevereiro aos coordenadores de curso. Já os compromissos acadêmicos deveriam ser levados pelas instituições de ensino ao Inep, no mesmo período.

Os resultados dos recursos serão disponibilizados até 20 de março.

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes, Enade, é um item obrigatório no currículo. Se ele não estiver regularizado, o estudante fica impossibilitado de colar grau.

Edição: Sâmia Mendes/ Marizete Cardoso

Últimas notícias
Saúde

Campanha de vacinação: 22% do público-alvo tomou vacina contra gripe

A meta é vacinar 75,8 milhões de pessoas. Mas até agora foram vacinadas 14,4 milhões. 

 

Baixar arquivo
Geral

Apoiadores de Bolsonaro fazem ato público no Rio de Janeiro

Os discursos de aliados do ex-presidente misturaram política e religião, em favor de Bolsonaro, do dono da rede social X, Elon Musk, e da liberdade de expressão.

Baixar arquivo
Saúde

Brasil registra paciente com cólera em Salvador

O caso autóctone da doença – que teve origem no local onde ocorreu o diagnóstico - foi confirmado pelo Ministério da Saúde.

Baixar arquivo
Política

PEC do Quinquênio deve ser analisada no plenário do Senado nesta terça

A proposta de Emenda à Constituição estabelece um adicional por tempo de serviço para magistrados, integrantes do Ministério Público, advogados públicos, delegados da Polícia Federal e outras carreiras.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Mulheres vão às ruas pelo direito ao parto humanizado

Na marcha, mulheres reivindicam o direito de escolha na hora do parto e o direito ao atendimento por enfermeiras obstétricas.

Baixar arquivo
Segurança

Perfis bloqueados no X por ordem judicial ainda fazem transmissões

Isso é o que diz um relatório parcial da Polícia Federal (PF) aberto para investigar o empresário norte-americano e dono do antigo Twitter, Elon Musk. Foi constatado ainda que os perfis interagem com usuários brasileiros.

Baixar arquivo