Coritiba e Náutico duelam de olho na liderança da Série B do Brasileir

Publicado em 29/07/2021 - 16:19 Por Mauricio Costa - Repórter da Radio Nacional - Rio de Janeiro

Náutico e Coritiba entram em campo nesta sexta-feira (30), às 20h, no Couto Pereira, no duelo íntimo pela liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Com 30 pontos e invicto até aqui, o Timbu vai à capital paranaense para, pelo menos, manter os cinco pontos de vantagem sobre o adversário. O Coxa tem 25 pontos e, se vencer, fica muito perto da primeira colocação. Isto porque a equipe de Curitiba tem uma partida a menos, contra o Brusque, válida pela 4ª rodada, que será disputada na próxima terça-feira (03/08), no Augusto Baier. Se vencer os dois jogos, o Coritiba passa a ser líder da Série B.

O Náutico vai ter desfalques importantes para o confronto. O meio-campista Jean Carlos e o atacante Kieza estão fora, lesionados. O técnico Hélio dos Anjos espera muita dificuldade.

“Eu acredito piamente que vai ser o jogo mais difícil que nós vamos enfrentar nesta competição. A gente sabe do potencial, dos interesses deles em relação à vitória e até a nos ultrapassar, se ganharem e depois vencerem o Brusque fora, no jogo atrasado. A gente está atento a isso. Agora eu acho que o mesmo perigo que o Coritiba pode nos oferecer, nós também vamos oferecer ao Coritiba. É um jogo muito equilibrado, a gente não pode perder a consistência em momento algum e ser o que sempre fomos”.

O Coritiba perdeu uma invencibilidade de 10 partidas na última rodada ao ser derrotado pelo Operário por 1 a 0. No entanto, o Coxa ainda não perdeu em casa nos seis jogos disputados pela Série B. O goleiro Wilson pede tranquilidade depois do revés diante do Fantasma.

“A gente sabe que é um campeonato difícil, que oscilações vão acontecer, a gente já vinha há muito tempo sem perder e acabou acontecendo uma derrota. Tem que manter a cabeça tranquila para a sequência da competição. É um jogo atrás de outro, sempre com muito equilíbrio, então isso não pode abalar a gente. Tem que continuar dando sequência no trabalho que vem sendo feito para, quem sabe, alcançar mais uma sequência invicta e se firmar cada vez mais entre os primeiros colocados do campeonato”.

Sobre o confronto com o Náutico, Wilson espera um clima de decisão.

“Todo jogo é uma decisão e esse é mais um jogo importante. É especial por ser contra o líder da competição, que a gente está buscando alcançar, dentro de casa, então é fundamental para gente conseguir essa vitória para continuar firme no G4 e diminuir a distância para o líder da competição”.

O técnico Gustavo Morínigo terá os retornos dos laterais Natanael e Igor, que voltam de suspensão. Matheus Sales recebeu o terceiro cartão amarelo e não poderá atuar.

Edição: Bianca Paiva / Guilherme Strozi

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Governo zera imposto de remédio para tratamento de câncer

Também não será cobrado o imposto de importação de produtos utilizados por pessoas com deficiência, como alguns tipos de próteses endoesqueléticas transfemurais e teclados especiais para computadores e softwares.

Baixar arquivo
Geral

Crise hídrica é tema do programa Brasil em Pauta deste domingo (19)

Programa recebe o secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Christiano Vieira, para falar sobre iniciativas do governo para reduzir os efeitos da seca.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Bombeiros controlam fogo na região da Chapada dos Veadeiros, em Goiás

O incêndio começou domingo (12) no local conhecido como Vale da Lua e não chegou a atingir o Parque Nacional da Chapada. Foram queimados o equivalente a 12 mil campos de futebol.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

MPF recomenda que Funai renove portarias que protegem terras indígenas

As portarias são as únicas formas de proteção das áreas e dos povos isolados. O fim da validade dos documentos expõe os territórios ao risco de grilagens e ocupações irregulares.

Baixar arquivo
Saúde

Idosos de 84 a 89 anos podem tomar terceira dose nesta semana no Rio

Pacientes com alto grau de imunossupressão, maiores de 60 anos , também poderão se vacinar

Baixar arquivo
Segurança

Fiocruz supera 4,5 milhões de vacinas na semana

Com a entrega, a Fiocruz alcança a marca de 96,5 milhões de doses disponibilizadas ao Programa Nacional de Imunizações. 

Baixar arquivo