Há 161 anos nascia Jigoro Kano, o pai do judô

Publicado em 28/10/2021 - 10:05 Por Rádio Nacional - Brasília

"O corpo é uma arma cuja eficiência depende da precisão com que se usa a inteligência". Este é apenas um dos ensinamentos deixados por Jigoro Kano, o pai do judô. 

Nascido em 28 de outubro de 1860 em Mikage, no Japão, transformou uma arte marcial em estilo de vida. O pai de Jigoro Kano passava pouco tempo com a família por causa do trabalho. A mãe era bem rigorosa em casa, mas sempre se preocupou em proporcionar uma infância feliz aos filhos. Essa convivência durou pouco, já que, quando Jigoro Kano tinha nove anos, a mãe ficou doente e morreu. O pai, então, decidiu mandar o garoto para estudar em Tóquio, onde estudou inglês e se tornou tradutor anos depois. 

Passou por anos difíceis na escola: tinha um físico aparentemente frágil, com 1,5 metro de altura e menos de 50kg. O garoto franzino sofreu bullying e chegou a apanhar de colegas. Foi então que, aos 16 anos começou a treinar Ju-jutsu, uma arte marcial que usava o corpo para ataque e defesa. 

A busca pelo aprimoramento físico não afastou Jigoro Kano da educação formal. Em 1881, aos 21 anos, se formou em literatura, ciências políticas e econômicas na Universidade Imperial de Tóquio. No ano seguinte, em 1882, inaugurou sua primeira escola de judô. 

Mais do que ensinar golpes no tatame, Jigoro Kano instituiu uma série de valores éticos e morais, como amizade, autocontrole, coragem, cortesia, honra, modéstia, sinceridade e respeito. Em 1891, aos 30 anos, se casou e construiu uma família numerosa, com nove filhos. Jigoro Kano ocupou diferentes cargos na administração pública, sempre lutando em prol do esporte. Em 1909, o mestre Kano se tornou o primeiro japonês a integrar o Comitê Olímpico Internacional. 

Em 1935, recebeu um prêmio por sua contribuição na organização do esporte no Japão. Em maio de 1938, o mestre Kano morreu, aos 77 anos, quando voltava de um compromisso do Comitê Olímpico no Cairo. Jigoro Kano deixou ensinamentos importantes, como aprender a cair e levantar no tatame e na vida. Vinte e seis anos depois da morte do pai do judô, o esporte entrou oficialmente para os Jogos Olímpicos em 1964, quando a Olimpíada foi realizada no Japão pela primeira vez. 

História Hoje 

Produção: Beatriz Evaristo 

Sonoplastia: Messias Melo 

Apresentação: José Carlos Andrade

Edição: Nathália Mendes

Últimas notícias
Esportes

Confira os jogos de futebol desta segunda-feira

Ás 19h, o São Paulo enfrenta o Juventude e o Atlético Paranaense enfrenta o Palmeiras. Às 20h, o Flamengo recebe o Santos no Maracanã e Internacional e Atlético Goianiense jogam no Sul. O Cuiabá recebe o Fortaleza em Mato Grosso. E para fechar, às 21h, a Chapecoense vai enfrentar o Sport.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeito de Nova Iorque exige vacinação obrigatória para setor privado

As campanhas de vacinação estão se reforçando em boa parte do mundo. O Chile começou a vacinar as crianças entre 3 e 5 anos contra a Covid nessa segunda-feira. O país também avança na vacinação da terceira dose, a chamada dose de reforço para adultos.

Baixar arquivo
Saúde

Mais de 90% da população, em 9 estados, estão vacinados contra a Covid

Nove estados brasileiros ultrapassaram a marca de 90% da população-alvo vacinada com a primeira dose da vacina. São eles: Santa Catarina, Roraima, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Paraná e Rio Grande do Sul.

Baixar arquivo
Segurança

Casos de feminicídios caem em São Paulo

No entanto, outras formas de violência contra a mulher aumentaram no período. É o caso da lesão corporal dolosa contra mulheres, ou seja, casos de agressão que não têm como resultado a morte das vítimas, aumentaram  9,3 % no estado e 35,9%  na capital paulista.

Baixar arquivo
Educação

No Pará, Alepa aprova ensino obrigatório de espanhol na rede pública

O projeto aprovado em dois turnos na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) torna obrigatório a ministração da disciplina de língua espanhola aos alunos da rede paraense de ensino.

Baixar arquivo
Economia

Produção de veículos em novembro cresce 15% em relação a outubro

No mês de novembro, foram produzidos 206 mil veículos - uma alta de 15% em relação ao mês anterior - mas número representa uma queda de 13,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Baixar arquivo