Brasil estreia com vitória no Mundial feminino de handebol

Publicado em 03/12/2021 - 10:46 Por Astrid Nick - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

HANDEBOL FEMININO

A seleção brasileira de handebol feminino estreou com vitória no Mundial da modalidade, que está acontecendo em Castellón, na Espanha. As brasileiras derrotaram as croatas por 30 a 25 e enfrentarão as japonesas neste sábado (4) para garantir a classificação. Com quatro seleções em cada grupo, as brasileiras ainda enfrentarão as paraguaias. Apenas três seleções de cada grupo avançam de fase.

JOGOS PAN-AMERICANOS

Com destaque para Chayenne da Silva, nos 400m com barreiras, Isabel Quadros, no salto com vara, e Alencar Chagas, no lançamento do martelo, que conquistaram medalhas de ouro e vagas pan-americanas, o atletismo brasileiro fechou a quinta-feira (2) com saldo positivo. Medalhas foram conquistadas no remo, com Tomás Levy, e no individual e nas duplas do tênis de mesa com Giulia Takahashi. No quadro geral de medalhas, no momento o Brasil está na segunda colocação, com um total de 115 medalhas, sendo 43 de ouro, 32 de prata e 40 de bronze. A primeira coloca é da anfitriã Colômbia, que tem um total de 116 medalhas, superando o Brasil em uma medalha de ouro, em um total de 44.

BOCHA

A seleção brasileira de bocha está concentrada no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, para a disputa da Copa América da modalidade, que será realizada entre os dias 7 e 13 de dezembro, no mesmo local. A competição vai reunir delegações de países da América do Sul, como Argentina, Chile, Colômbia, Peru, de países da América Central, além de Estados Unidos e Canadá. O evento é organizado pela Associação Nacional de Desporto para Deficientes, com apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro e da Federação Internacional da Bocha. O Brasil teve quase todos os seus atletas que participaram dos Jogos de Tóquio convocados para esta competição. A novidade será a participação do jovem potiguar Iuri Tauan da Silva, de 18 anos, pela classe BC2, onde nenhum auxiliar é permitido e um suporte ou cesto para bola pode ser adaptado. Na classe BC2, o atleta apresenta quadro de paralisia cerebral.  

Edição: Rádio Nacional / Nathália Mendes

Últimas notícias
Educação

Vitor Godoy participa do Fórum Mundial de Educação

Godoy vai apresentar as políticas do Ministério da Educação para recuperação do aprendizado dos estudantes, que foi muito prejudicado pelo fechamento das escolas na pandemia.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Rio lança plano de enfrentamento a violência sexual contra crianças

O plano quer melhorar as políticas públicas de proteção contra abusos e violência contra crianças e adolescentes, além de minimizar os efeitos da pandemia que agravou o problema.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Escola é importante para identificar crianças vítimas de abuso sexual

Maio Laranja é o mês de que destaca a necessidade de combate ao abuso e à exploração sexual contra crianças e adolescentes.

Baixar arquivo
Esportes

Gymnasiade: Brasil fica na vice-liderança no quadro geral de medalhas

Foram 45 ouros, 45 pratas e 36 bronzes, num total de 126 medalhas. O título ficou com os franceses, que subiram ao pódio 130 vezes, em 51 delas para receber a medalha de ouro.

Baixar arquivo
Saúde

Podcast Entrevista é Nacional: saiba o que é a varíola dos macacos

Casos de varíola dos macacos em humanos estão surgindo mundo afora. No Entrevista É Nacional, o médico infectologista José Davi Urbaéz esclarece que a diferença entre a varíola dos macacos e a varíola humana é a gravidade.

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

Pesquisadores desenvolvem queijo para doença crônica no intestino

Um queijo com probiótico capaz de melhorar a qualidade de vida de quem tem uma doença crônica no intestino é a nova descoberta de pesquisadores da UFMG.

Baixar arquivo