Viva Maria: Hoje é dia de reverenciar cada árvore que nos dá vida e celebrar a paz

Viva Maria

Publicado em 21/09/2018 - 08:06 Por Apresentação Mara Régia - Brasília

Em memória, dedicamos esta nossa edição de hoje à árvore que batizou este nosso país e que, desde que começou a ser explorada em 1503, há anos figura na lista das espécies mais ameaçadas de extinção.

 

Mas, como o pau-brasil, reverenciamos também a castanheira-do-brasil, considerada a rainha da floresta: a castanheira-do-brasil: nativa da Amazônia; a braúna, natural da Mata Atlântica; o cedro-rosa; a Araucária: também conhecida como pinheiro-do-paraná; o mogno e o jequitibá-rosa. Como elas, mais de 2 mil espécies das 8 mil encontradas neste país, correm perigo, como canta Xangai, na música de Jatobá.

 

Considerada o hino dos engenheiros florestais, Matança é um alerta sobre a nossa responsabilidade enquanto cidadãs e cidadãos deste nosso país já que temos a maior biodiversidade de árvores do planeta.

 

Aproximadamente 14% das mais de 60 mil espécies de árvores catalogadas no mundo são encontrados no Brasil. A informação é de um estudo desenvolvido em 2017 pela Botanical Gardens Conservation International, com base nos dados de 500 jardins botânicos. Completando esse cenário, a Lista Nacional Oficial de Espécies da Flora Brasileira Ameaçadas de Extinção, feita pelo Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, indica que 2.113 espécies de árvores presentes no Brasil encontram-se ameaçadas.

 

Razões não faltam para que aproveitemos este 21 de setembro para plantar um punhado de sementes no solo desta nossa pátria amada Brasil.

 

Preferencialmente, sementes de paz, porque hoje é dia da gente empunhar bandeiras brancas, perdoar um amigo, participar, nem que virtualmente, das dezenas de atividades que haverão de comemorar, nesta data, o Dia Internacional da Paz.

 

E é claro que Viva Maria não poderia deixar de ouvir a vice-reitora da Universidade da Paz, Unipaz, Lydia Rebouças, que tem o dom de decretar um cessar-fogo no coração das pessoas que, neste momento, se encontram em guerra ou em conflito com seus próprios sentimentos. Paz e bem, Lydia Rebouças!

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

Em Alagoas, aulas presenciais de adultos serão retomadas dia 26

Cursos de todos os segmentos estão autorizados a funcionar: ensino superior, pré-vestibular, profissionalizantes, técnicos, de línguas estrangeiras e de formação para servidores públicos. O governador Renan Filho disse que vai avaliar o impacto da volta da educação adulta para definir qual será o caminho para crianças e adolescentes.

Baixar arquivo
Justiça

STJ suspende julgamento de recurso sobre concessão da Linha Amarela

Pedido de vista do ministro João Otávio de Noronha foi o motivo. Ele disse que foi procurado pelas defesas da prefeitura e da concessionária Lamsa e não conseguiu ouvir ambas a tempo. Único voto proferido até o momento foi o do relator, presidente do STJ, Humberto Martins.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Estudo revela que 70% das espécies em extinção podem ser salvas

Essa é a conclusão de um estudo inédito, liderado pelo pesquisador brasileiro Bernardo Strassburg, professor da PUC do Rio de Janeiro e diretor do Instituto Internacional para a Sustentabilidade.  A pesquisa, encomendada pela ONU,  Organização das Nações Unidas, contou com a participação de  27 pesquisadores de 12 países. Os resultados foram publicados na revista “Nature” na semana passada. 

Baixar arquivo
Educação

Falta de estrutura na segurança atrasam reabertura de escolas em SP

A falta de estrutura para garantir segurança está atrasando a reabertura de escolas em São Paulo.

Baixar arquivo
Saúde

Criança com AME recebe recursos para remédio mais caro do mundo

Medicamento custa R$ 12 milhões; Família conseguiu dinheiro após ganhar ação no STJ

Baixar arquivo
Economia

Em tempo de pandemia, práticas inovadoras fazem sucesso em vendas

Whatsapp, delivery e drive-thru alcançaram até quem não queria comprar

Baixar arquivo