Maguito Vilela morre aos 71 anos, vítima de complicações da covid-19

Prefeito de Goiânia estava internado desde outubro no Albert Einstein

Publicado em quarta-feira, 13 Janeiro, 2021 - 10:22 Por Lucas Pordeus León - Brasília

Morreu na madrugada desta quarta-feira (13) o prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela, do MDB. Maguito lutava contra o novo coronavírus desde o dia 27 de outubro, ou seja, há mais de dois meses e meio. Ele tinha 71 anos e não resistiu à covid-19.

Maguito foi eleito já internado no hospital, em São Paulo. O político goiano ainda chegou a tomar posse por videoconferência, porém, a Câmara de Vereadores do município aprovou o afastamento do prefeito enquanto ele não se recuperava.

Quem assumiu interinamente o cargo foi o vice-prefeito, Rogério Cruz, do Republicanos, que agora assume definitivamente a prefeitura da capital de Goiás.

Nas redes sociais, a assessoria de Maguito informou que a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás. Ele deve ser sepultado em Jataí, sua cidade natal.

Luís Alberto Maguito Vilela foi advogado, vereador, deputado estadual e federal, prefeito, vice-governador, governador e senador da República. Foi também deputado federal constituinte, em 1987.

Nessa terça-feira (12), o hospital Albert Einstein, onde Maguito estava internado, comunicou que o político lutava contra uma infecção pulmonar grave, decorrente das complicações da covid-19.

 

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

Rio de Janeiro define como será volta às aulas

No plano de volta às aulas apresentado pela prefeitura, o Rio de Janeiro vai oferecer aulas presenciais e remotas. A previsão é que uma plataforma digital seja lançada para possibilitar que estudantes acompanhem aulas ao vivo de forma remota. 

Baixar arquivo
Geral

Rio de Janeiro tem terceiro maior tempo de viagem no mundo

O Rio de Janeiro (RJ) tem o terceiro maior tempo médio de viagem do mundo, com 67 minutos, segundo pesquisa sobre mobilidade urbana apresentada pela empresa de mobilidade Moovit. O estudo também mostrou que Curitiba (PR) tem a maior distância média percorrida em uma viagem no mundo. 

Baixar arquivo
Política

MP Eleitoral pede ao TSE cassação do governador do Pará

Helder Barbalho e o vice-governador, Lúcio Vale, são acusados de abuso de poder econômico e utilização indevida dos meios de comunicação social na campanha eleitoral de 2018, inclusive com a disseminação de fake news.

Baixar arquivo
Geral

Festa de Iemanjá, em Salvador, não terá público

Um dos mais importantes eventos populares da Bahia, a Festa de Iemanjá vai seguir em 2021 os mesmos moldes adotados para a Lavagem do Bonfim e a Procissão dos Navegantes, ou seja: não terá público.

Baixar arquivo
Cultura

Blocos do Rio lançam campanha Unidos pelo Distancimento

Os tradicionais blocos de rua de carnaval do Rio de Janeiro que todo ano arrasta multidões pela cidade, está mobilizando os foliões para fazer um carnaval diferente: sem aglomerações. A campanha, que recebeu o nome de "Unidos pelo distanciamento social", tem como meta promover o distanciamento social e evitar um aumento repentino de casos de Covid-19 durante o período. 

Baixar arquivo
Segurança

MP apura se governo de RO fraudou leitos para manter plano de abertura

De acordo com o Ministério Público, no início de janeiro teria ocorrido a inclusão indevida de 30 leitos do Hospital de Campanha da Zona Leste, que nunca estiveram disponíveis por falta de médicos. Em outra ocasião, o relatório apresentava leitos disponíveis, mas 30 pacientes aguardavam na fila por uma vaga de UTI no estado

Baixar arquivo