Desfiles de escola de samba e blocos de rua estão proibidos no Rio

Regra vale do dia 12 ao dia 22 de fevereiro, data do Carnaval

Publicado em 05/02/2021 - 16:53 Por Tâmara Freire - Rio de Janeiro

Os desfiles de blocos e de escolas de samba estão proibidos na cidade do Rio de Janeiro entre os próximos dias 12, que seria a sexta-feira de carnaval, e 22. E quem desafiar a proibição pode ser enquadrado no crime de infração de medida sanitária, que prevê detenção de um mês até um ano e multa. Além disso, a agremiação será automaticamente impedida de participar da festa em 2022.

A medida tenta evitar aglomerações nas ruas da cidade, mesmo com a festa oficial cancelada. O prefeito Eduardo Paes também afirmou que eventos fechados serão impedidos de acontecer.

O decreto público no Diário Oficial desta sexta-feira também suspendeu a concessão de autorização temporária para ambulantes, e proibiu a entrada na cidade de ônibus fretados, exceto aqueles que atendem funcionários de empresas ou estejam levando hóspedes da rede hoteleira, que comprovem a reserva.

Há alguns dias a Prefeitura também suspendeu o ponto facultativo da segunda-feira de carnaval, dia 15, apesar do feriado, na terça, estar mantido, conforme decisão do governo do Estado.

De acordo com o último boletim epidemiológico, a cidade do Rio permanece com risco alto para contágio por coronavírus e esta semana, atingiu um marco preocupante, ultrapassando São Paulo no número total de óbitos e se tornando o município onde mais se morreu por Covid-19 no país.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

Cartilha do MEC orienta retorno às aulas presenciais para surdos

Material traz orientações para que medidas de segurança contra covid-19 sejam adaptadas às necessidades de aprendizado do grupo, como o uso de máscara transparente e a disposição de carteiras escolares.

Baixar arquivo
Saúde

Vacinados ainda podem ser infectados pelo coronavírus

De acordo com especialistas, a imunização evita casos graves da doença, mas não impede que a pessoa seja reinfectada - e transmita o vírus. Para evitar o contágio, vacinação deve ser combinada com distanciamento social e uso de máscara.

Baixar arquivo
Política

Senado: Cronograma para CPI da Covid será apresentado na segunda

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, disse que na próxima segunda-feira, vai apresentar o cronograma e os procedimentos para a instalação da CPI da Covid-19.

Na primeira reunião serão escolhidos por meio de votação o presidente e o vice-presidente da Comissão.

Baixar arquivo
Política

Joaquim Silva e Luna é aprovado para a presidência da Petrobras

O general foi aprovado em reunião do Conselho de Administração da estatal realizada nesta sexta-feira (16). Também foram nomeados os sete integrantes da Diretoria Executiva da estatal. Três deles foram reconduzidos ao cargo.

Baixar arquivo
Saúde

Anvisa chega neste sábado a Moscou para vistoriar fábrica da Sputnik V

Conclusões vão subsidiar decisão sobre uso da vacina no Brasil. Anvisa faz busca ativa das informações, já que 40% dos documentos que devem ser entregues pelos fabricantes estão incompletos ou não chegaram a ser apresentados.

Baixar arquivo
Saúde

SP: Crianças e gestantes foram vacinadas contra covid por engano

 Ao todo, 51 pessoas foram vacinadas contra a covid-19 por engano no estado de São Paulo. Eram pessoas que deveriam tomar a vacina contra a gripe e acabaram recebendo doses da Coronavac.

Baixar arquivo