Usuários dos bancos reclamam de demora, aglomeração e desorganização

Publicado em 27/07/2021 - 18:16 Por Beatriz Albuquerque - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

São muitas as queixas de quem precisa ir ao banco no meio da pandemia. Demora no atendimento, aglomeração e desorganização. Bastou uma rápida visita a algumas agências para registrar a insatisfação das pessoas.

Justamente por conta da pandemia de covid, a quantidade de funcionários trabalhando de maneira presencial nos bancos está menor, o que tem impacto direto no atendimento.

A Febraban- Federação Brasileira de Bancos - recomenda que as pessoas façam serviços bancários pelos canais digitais disponibilizados pelos bancos: aplicativo de celular e internet, pelo atendimento telefônico e nos caixas eletrônicos, além dos correspondentes, que são as casas lotéricas, agências dos Correios e redes de supermercados.

De acordo com dados da Febraban, atualmente, 67% das transações financeiras são feitas on-line. A Federação explica que a utilização desses canais garante que aqueles que precisam de serviços presenciais tenham acesso de maneira mais segura, sem aglomerações nas agências. Cada banco tem adotado estratégias próprias para organizar as filas dentro e fora de suas unidades.

Operações como saques, transferências, depósitos, pagamentos de contas, emissão de cheques, bloqueio e desbloqueio de cartão, solicitações de empréstimos e até resgates de investimento. Tudo isso pode ser feito sem precisar ir a uma agência.

O Bradesco, por exemplo, afirma em nota que está sugerindo a seus clientes que utilizem a internet para as operações bancárias mais simples. O banco destacou que, nas agências, os funcionários estão orientados a organizar o atendimento garantindo o distanciamento, a higienização correta e evitando aglomerações.

Então, a orientação é mesmo evitar ir aos bancos e tentar resolver tudo pela Internet. Mas, se for preciso ir até uma agência, é importante tomar os cuidados que a gente já sabe: máscara, álcool 70% nas mãos e distanciamento social.

Edição: Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Ipea: desemprego recuou no país de 15,1% em março, para 13,7% em junho

A pesquisadora do Ipea, Maria Andreia Parente Lameiras, afirma que o cenário aponta para sinais de recuperação, ainda que as taxas de desocupação e subocupação continuem elevadas.

Baixar arquivo
Política

Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência é lembrado no Planalto

Durante a solenidade, o governo destacou as ações feitas nos últimos anos para beneficiar as pessoas com deficiência, como a criação do Comitê de Doenças Raras e o Auxílio Inclusão.

Baixar arquivo
Economia

Falta de chips força férias coletivas na Volkswagen em São Paulo

São cerca de 2 mil pessoas pessoas que vão ficar paradas por 10 dias por falta de componentes usados na fabricação dos carros.

Baixar arquivo
Saúde

Jogo de computador pode estimular atenção em crianças com autismo

Uma espécie de videogame que está sendo testado em crianças com autismo, e que tem mostrado resultados promissores.

Baixar arquivo
Esportes

Paralimpíada Escolar abre portas do alto rendimento a novos campeões

Edição deste ano da Paralimpíada Escolar está confirmada para acontecer entre  22 e27 de novembro

Baixar arquivo
Saúde

Estudo revela impacto da pandemia em favelas do Rio de Janeiro

54% dos moradores da Cidade de Deus, na zona oeste, e dos complexos do Alemão e da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro, perderam seus empregos com a pandemia de covid-19

Baixar arquivo