Apagão no RJ e MG não tem relação com a crise hídrica, diz ONS

Publicado em 20/09/2021 - 16:39 Por Tatiana Alves - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

O Operador Nacional do Sistema Elétrico afirmou que o apagão que atingiu cidades do Rio de Janeiro e de Minas Gerais não tem relação com a crise hídrica. A ocorrência afetou cerca de 60 cidades de Minas Gerais e 13 municípios do Rio.

Em nota, o ONS, Operador Nacional do Sistema Elétrico informa que na noite do último sábado (18) houve um desligamento total da Subestação Rocha Leão, de propriedade de Furnas, devido à atuação da proteção diferencial de barras do setor.

De acordo com o sistema de supervisão do Operador, pouco mais de uma hora depois, o abastecimento estava 100% normalizado.

O texto informa ainda que o ONS avaliará as causas da ocorrência junto aos agentes envolvidos. A empresa ainda explicou que atuou prontamente para iniciar a recomposição do sistema e para que o completo fornecimento de energia fosse restabelecido o mais rápido possível.

Também por meio de nota, Furnas argumentou que com a falha na Subestação de Rocha Leão, localizada em Rio das Ostras, na Baixada Litorânea, as proteções atuaram corretamente para seu isolamento, o que causou o desligamento de todos os equipamentos dessa subestação.

A nota confirma que a equipe técnica prontamente iniciou os procedimentos para o restabelecimento do fornecimento para a distribuidora e que a empresa está analisando as causas do ocorrido.

A Enel, concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica para cidades da Região dos Lagos, informou que uma perturbação na rede de transmissão de Furnas causou interrupção no fornecimento de energia em parte da região dos Lagos, Macaé, Cantagalo e Teresópolis.

Edição: Sâmia Mendes / Guilherme Strozi

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Voo do 14 Bis completa 115 anos - um percurso que marcou a história

Naquele 23 de outubro de 1906, mais de mil pessoas, no Campo de Bagatelle, em Paris, olharam atônitas para cima. O brasileiro Alberto Santos Dumont tinha conseguido uma proeza: decolar, dirigir e pousar um avião. o “14 Bis” subiu dois metros do solo.

Baixar arquivo
Geral

Amapá decreta calamidade pública após salinização do rio Amazonas

Com o decreto, o governo local mobiliza todos os órgãos estaduais para atuarem sob o comando da Defesa Civil na região do Distrito do Bailique. O prazo do estado de calamidade pública é de 180 dias. Estima-se que cerca de 14 mil pessoas de 65 comunidades do arquipélago sejam afetadas pela salinização das águas e erosão das margens do Rio Amazonas.

Baixar arquivo
Segurança

TJRJ inaugura primeiro centro de atenção e apoio às vítimas de crimes

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro inaugurou nesta sexta-feira o primeiro Centro Especializado de Atenção e Apoio às Vítimas de Crimes e Atos Infracionais do país.

Saúde

Prevent Senior assina acordo de conduta com Ministério Público de SP

O Plano de Saúde deverá suspender o uso de medicamentos ineficazes do chamado kit covid, vai ter que publicar em jornais e portais da internet que nunca fez qualquer pesquisa científica para comprovar a eficácia desses medicamentos e está proibido de alterar o código de diagnóstico de covid de pacientes que morreram em decorrência de problemas provocados pela doença.

Baixar arquivo
Economia

Preço da carne no atacado cai, mas valor no varejo ainda continua alto

É que apesar das vendas estarem suspensas para a China, os produtores brasileiros tem guardado as carnes armazenadas em frigoríficos a espera de uma solução para o impasse. Ou seja, não aumentou a oferta do produto no mercado interno.

Baixar arquivo
Economia

Ministros das Comunicações dos Brics querem economia digital inclusiva

Os ministros das Comunicações dos cinco países do Brics assinaram uma declaração conjunta de cooperação internacional para estruturar uma economia digital inclusiva.

Baixar arquivo