Consulado do Japão oferece 6 tipos de bolsas de estudo a brasileiros

Publicado em 18/05/2021 - 17:32 Por Luisa Câmara* - Rádio Nacional - Brasília

Para quem planeja estudar fora do país, o consulado do Japão, junto ao Ministério da Educação , oferece seis modalidades de bolsas de estudo para brasileiros que querem ingressar em universidades japonesas.

 Será oferecida uma bolsa mensal de cerca de R$ 7 mil além de passagens aéreas de ida e volta ao Japão e o pagamento das despesas escolares. As oportunidades são para cursos de graduação com duração de 5 anos; escola técnica com previsão de formação em 4 anos e cursos profissionalizantes com duração de 3 anos.

As inscrições devem começar a partir do mês de junho. Também serão ofertados cursos de pós-graduação, treinamento para professores e curso de aprimoramento da língua e cultura nipônica para descendentes japoneses.

No caso da pós graduação, o período de inscrição vai até o dia 28 deste mês.

O curso de treinamento para professores tem duração de 1 ano e meio e os candidatos devem ter domínio do inglês e cinco anos de experiência na profissão.

 Com exceção do Pará, Maranhão, Piauí e Amapá, em que a inscrição pode ser feita no site do consulado do Japão em Belém, quem mora nos demais estados brasileiros e no Distrito Federal precisa procurar a representação consular da sua região para manifestar interesse nos cursos. 

O regulamento, os documentos necessários para a inscrição e demais informações podem ser consultados na internet, na página do consulado japonês em Belém. 

*Com supervisão de Sheily Noleto.

Sheily da Silva Noleto Lopes
JCP Jornalismo
Coordenação de Edição da Rádio Nacional
Diretoria de Jornalismo
Empresa Brasil de Comunicação


Esta mensagem e todos os seus anexos são confidenciais e destinam-se exclusivamente aos seus destinatários originais. Qualquer ponto de vista ou opinião contida nesta mensagem expressa o pensamento pessoal de seu autor e não representa necessariamente a posição da EBC. Se você não é a pessoa a quem esta mensagem se destina, não distribua, imprima ou copie qualquer parte do seu conteúdo e apague-a imediatamente.

De: "Luisa Camara do Nascimento" <luisa.nascimento@ebc.com.br>
Para: "Editores Radiojornalismo" <editoresradiojornalismo@ebc.com.br>
Enviadas: Segunda-feira, 17 de maio de 2021 17:08:44
Assunto: EDITAR BOLSAS DE ESTUDOS NO JAPÃO

Bolsa de estudos no Japão

Para quem quer estudar fora do país, o governo do Japão junto com o Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ciência e Tecnologia- MEXT está oferecendo seis modalidades de bolsas de estudo para brasileiros que querem ingressar em universidades japonesas.

Para ajudar nas despesas dos estudantes será pago uma bolsa mensal de cerca de 7mil reais além de passagens aéreas de ida e volta ao Japão e pagamento das despesas escolares.

As oportunidades de bolsa são para os cursos de graduação que dura 5 anos, escola técnica com duração de 4 anos e cursos profissionalizantes com duração de 3 anos, todos com inscrições previstas para começar a partir do mês de junho.

Também serão ofertados cursos de pós-graduação, treinamento para professores e curso de aprimoramento da língua e cultura japonesa para descendentes de japonês.

 As inscrições para cursar pós graduação podem ser feitas até o dia 28 deste mês.

O curso de treinamento para professores tem duração de 1 ano e 6 meses e os candidatos devem possuir domínio do inglês e cinco anos de experiência na profissão.

O Consulado do Japão em Belém recebe inscrição somente dos candidatos residentes nos estados do Pará, Maranhão, Piauí e Amapá. Os residentes nos demais Estados, deverão entrar em contato com a Representação Consular de sua região.

O regulamento, os documentos necessários para a inscrição e demais informações podem ser consultados pelo Consulado do Japão em Belém através do endereço eletrônico belem.br.emb.

Com supervisão de... da rádio Nacional em Brasília, Luísa Câmara.

Edição: Sheily Noleto / L Pedrosa

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Câmara aprova desestatização da Eletrobras

O texto-base da medida foi aprovado por 258 votos a 136. A medida já havia sido aprovada pela Câmara, mas sofreu alterações no Senado na semana passada e, por isso, precisou passar por nova votação dos deputados.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Queiroga diz que adultos serão vacinados até setembro

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, prometeu nesta segunda-feira vacinar toda população adulta contra o coronavírus com pelo menos uma dose até setembro. Nesta segunda-feira chegou a 501 mil o número de mortos pela covid -19.

Baixar arquivo
Política

Ministros do TSE esclarecem segurança da urna eletrônica a deputados

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral receberam durante a tarde um grupo de deputados federais que fazem parte da comissão especial que discute a Proposta de Emenda à Constituição do voto impresso. Eles conheceram detalhes do sistema de votação eletrônica.

Baixar arquivo
Saúde

Grávidas e puérperas já podem ser vacinadas no DF contra a covid-19

As grávidas e as mulheres que ainda estão no período de resguardo pós parto, de 45 dias -  as puérperas - já podem ser vacinadas no Distrito Federal contra a covd-19. Mas é preciso se cadastrar no sistema de agendamento da Secretaria de Saúde.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Pesquisa aponta que vacinação evitou 40 mil mortes de idosos

Pesquisa aponta que este ano vacinação já evitou mais de 40 mil mortes de idosos pela covid-19 no Brasil. Os cálculos,indicam que sem a vacinação, a tendência era que em 2021, nos seis primeiros meses, o número de mortes de idosos com mais 70 anos ultrapassaria os 90 mil.

Baixar arquivo
Geral

Em 2019, 1,8 milhão de crianças foram submetidas ao trabalho infantil

1,8 milhão de crianças e adolescentes foram submetidas ao trabalho infantil em 2019, e o trabalho infantil tem um perfil de cor e idade.

Baixar arquivo