Disputa por Essequibo pode ampliar tensão diplomática internacional

Empresas estrangeiras são autorizadas a explorar petróleo na região

Publicado em 06/12/2023 - 15:47 Por Sayonara Moreno - repórter da Rádio Nacional - Brasília

Diante da disputa territorial pela região de Essequibo entre a Guiana e a Venezuela, a situação deve tensionar as relações diplomáticas e econômicas na região. É o que avalia o membro do Observatório da Política Externa e Inserção Internacional do Brasil, Bruno Silva.

A região em disputa tem 160 mil quilômetros quadrados e equivale a aproximadamente 75% do território da Guiana. A Assembleia Nacional venezuelana já recebeu do presidente Nicolás Maduro um projeto de lei que cria o Estado da Guiana Essequibo, como parte da Venezuela.

Caso seja aprovado, a lei passa a atender o resultado do referendo do último domingo. Na ocasião, 95% da população votou a favor da anexação de parte da Guiana ao território venezuelano. Maduro comemorou a alta aprovação, pela população, de uma das perguntas do referendo.

Maduro também publicou nas redes sociais o novo mapa da República Bolivariana da Venezuela e determinou que seja atualizado nas escolas, universidades e comunidades.

Após as declarações e o decreto venezuelano, o presidente da Guiana, Irfaan Ali, declarou, em rede nacional, que as Forças de Defesa da Guiana estão em alerta máximo para defender o território de Essequibo e que as falas de Maduro são vistas como ameaça.

Irfaan Ali também anunciou que acionou países como Estados Unidos, Brasil, Reino Unido e a França. Enquanto a situação se desenrola nos países vizinhos, o exército brasileiro informou ter antecipado o envio de veículos blindados e militares para a cidade de Pacaraima, em Roraima, fronteira do Brasil com a Venezuela.

Edição: Jacson Segundo/ Sumaia Villela

Últimas notícias
Saúde

Preços de exames e repelentes crescem com o aumento da dengue no Rio

Levantamento feito pelo Procon identificou uma variação de 270% nos valores desses exames realizados em laboratórios particulares na capital e na Região Metropolitana do estado.

Baixar arquivo
Saúde

Ceará registra baixa de casos de dengue

O estado tem apresentado queda em relação à média dos registros dos últimos 5 anos. Os dados são do sistema IntegraSUS, usado pela Secretaria da Saúde do Estado.

Baixar arquivo
Justiça

STF torna réus antiga cúpula da PM do Distrito Federal

Todos são suspeitos de omissão durante os atos antidemocráticos. Os ministros também decidiram pela manutenção da prisão preventiva de todos os policiais militares, para não colocar em risco as investigações.

Baixar arquivo
Justiça

Plenário do STF condena mais 15 réus por atos de 8 de janeiro

As penas variam de 12 a 17 anos de prisão. Eles foram condenados ainda, a pagar de modo solidário, uma multa de R$ 30 milhões por danos morais coletivos.

Baixar arquivo
Segurança

Rio monta esquema de segurança para receber chanceleres do G20

A Polícia Federal mobilizou 500 agentes, sendo 300 atuando diretamente junto às delegações e, os demais, nos aeroportos e em grupos de pronta intervenção.

Baixar arquivo
Geral

Agentes da Força Nacional chegam em Mossoró nesta quarta

Eles vão se juntar ao grupo de 500 agentes das Polícias Federal, Rodoviária Federal e forças locais que atuam na operação de recaptura dos detentos que escaparam da prisão de segurança máxima de Mossoró no dia último dia 14.

Baixar arquivo