Milei assume o comando da Argentina neste domingo

O liberal tem o maior apoio eleitoral dos últimos 40 anos de democraci

Publicado em 09/12/2023 - 17:08 Por Oussama El Gahori, repórter da Rádio Nacional - Brasília
Atualizado em 10/12/2023 - 10:30

O presidente eleito da Argentina, Javier Milei, assume o comando do país neste domingo.

O liberal tem o maior apoio eleitoral dos últimos 40 anos de democracia na Argentina.

Ele ficou com 55% dos votos contra o adversário e atual ministro da Economia Sérgio Massa.

Mas, no Congresso, Milei tem apoio de no máximo 30% dos parlamentares, contando os aliados do ex-presidente Macri.

Então, ele vai precisar, de alguma forma, compor com a ala peronista, principal força opositora ao novo governo.

 

Sem isso, haverá muita dificuldade na aprovação das reformas pretendidas pelo liberal para atingir o equilíbrio nas contas do país.

Entre elas, diminuir o número de ministérios, organismos estatais e a burocracia. Ou seja, reduzir o tamanho do estado.

E as medidas econômicas para o câmbio, o comércio e para os investimentos.

Tudo isso a partir de um cenário em que analistas econômicos, projetam, por exemplo, inflação batendo em 140% em 2023.

E o Indec, o instituto de estatística do governo argentino, apontando 40% da população na pobreza; ou seja, 11 milhões de pessoas.

Para posse de Javir Milei neste domingo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi convidado.

Mas, decidiu enviar à cerimônia o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira.

Isso depois de ser criticado pelo liberal durante a campanha eleitoral argentina.

Outros presidentes confirmaram presença, como os do Paraguai, Uruguai e Equador. Da Europa, o primeiro-ministro da Hungria e o presidente da Armênia.

O presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky também estará na posse, além do ex-presidente Jair Bolsonaro.

Entre as ausências, estão os presidentes norte-americano, Joe Biden, da Venezuela, Nicolás Maduro, de Cuba, Miguel Díaz-Canel e da Nicarágua, Daniel Ortega.

Edição: Roberta Lopes / LP

Últimas notícias
Economia

Economia cresce 2,9% em 2023

Produto Interno Bruto do país somou R$ 10,9 trilhões, maior patamar já alcançado na série histórica, iniciada em 1996. O principal motor do crescimento foi a agropecuária, com expansão recorde de 15,1%

Baixar arquivo
Internacional

Na Celac, Lula propõe moção coletiva contra ações israelenses

Presidente brasileiro voltou a classificar os ataques de Israel ao povo palestino como genocídio.

Baixar arquivo
Cultura

Estreia hoje (1) a Mostra Internacional de Teatro de São Paulo

Espetáculos de diferentes nacionalidades, sotaques e linguagens entram em cena para lançar novos olhares sobre questões como memória, racismo, transfobia e migração. Artistas da Coreia do Sul, do Líbano, da Costa do Martim, e também do Ceará, de Alagoas, de Santa Catarina se encontram e misturam teatro, dança e música para refletir sobre o próprio tempo

Baixar arquivo
Geral

PRF inicia operação de segurança nas rodovias

Serão intensificadas ações de policiamento, fiscalização e educação para o trânsito, visando diminuir a violência nas estradas federais do país. 

Baixar arquivo
Geral

Estado de São Paulo promove Dia D Contra a Dengue nesta sexta (1)

As ações estão sendo realizadas em escolas e casas. O slogan da campanha desse dia D é: “A água mais mortal pode estar no seu quintal”

Baixar arquivo
Saúde

Rio de Janeiro registra primeiro caso de febre oropouche

O paciente tem histórico de viagem para o Amazonas, que vive um expressivo aumento do número de casos desde o início do ano. 

Baixar arquivo