Silvio Almeida discursa na ONU e pede fim dos ataques na Faixa de Gaza

Publicado em 26/02/2024 - 14:43 Por Madson Euler - repórter da Rádio Nacional - São Luís

O ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, discursou na manhã desta segunda-feira(26), em Genebra, na Suíça, durante Sessão do Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas. O evento reúne chefes de Estado, de Governo e ministros e vice-ministros das Nações que compõem o Comitê de Direitos Humanos.

Um dos principais pontos do discurso do ministro Silvio Almeida foi o reforço a posição do Brasil a respeito do conflito na Faixa de Gaza, condenando também os ataques realizados pelo Hamas e pedindo a liberação imediata de todos os reféns. "Já em mais de uma oportunidade condenamos ataques perpetrados pelo Hamas e demandamos a libertação imediata e incondicional de todos os reféns. Mas também reitero o nosso repúdio a flagrante desproporcionalidade do uso da força por parte do governo de Israel, uma espécie de punição coletiva que já ceifou a vida de quase 30 mil palestinos a maioria deles mulheres e crianças. Forçadamente deslocou mais de 80% da população de Gaza e deixou milhares de civis sem acesso a energia elétrica água potável, alimentos e assistência humanitária básica".

Para o ministro, é dever do Conselho de Direitos Humanos da ONU buscar soluções pacíficas para o conflito. Consideramos ser dever deste Conselho prestigiar a autodeterminação dos povos, a busca da solução pacífica dos conflitos, e se opor de forma veemente a toda a forma de neocolonialismo e de apartheid. A criação de um estado palestino livre soberano que conviva com o Estado de Israel. É condição imprescindível para a paz". 

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas, que se reúne três vezes ao ano, foi criado em 2006 e é composto por 47 países, que são eleitos de maneira rotativa.

Em outubro de 2023, o Brasil foi eleito para o sexto mandato fixo na composição do Conselho.

Edição: Sâmia Mendes / Liliane Farias

Últimas notícias
Segurança

Perfis bloqueados no X por ordem judicial ainda fazem transmissões

Isso é o que diz um relatório parcial da Polícia Federal (PF) aberto para investigar o empresário norte-americano e dono do antigo Twitter, Elon Musk. Foi constatado ainda que os perfis interagem com usuários brasileiros.

Baixar arquivo
Justiça

E-mail indica que Samarco conhecia risco de colapso em Mariana

Um e-mail enviado por um ex-executivo da mineradora inglesa BHP ao conselho de administração da Samarco está sendo utilizado pela defesa dos atingidos pela tragédia de Mariana (MG) como prova de que a empresa sabia dos riscos de rompimento da barragem.

Baixar arquivo
Saúde

Mortes por dengue em 2024 já superam as do ano passado em 37%

São 1.601 óbitos confirmados neste ano. Outras 2 mil mortes estão em investigação, e o total de casos da doença já passa de 3,5 milhões.

Baixar arquivo
Cultura

Programação do aniversário de Brasília tem show de Alok neste sábado

O palco para a atração do DJ é em formato de pirâmide e tem quase 30 metros. O show dele deve ocorrer a partir das 21h30, mas antes disso já vai ter muita música por lá. 

Baixar arquivo
Justiça

Nunes Marques prorroga prazo para pagamento de dívida de MG com União

O ministro do Supremo Tribunal Federal prorrogou por mais 90 dias o prazo para Minas Gerais pagar a sua dívida com a União. Esse prazo se encerraria neste sábado (20).

Baixar arquivo
Geral

Governo recua e Petrobras pode pagar 50% de dividendos extraordinários

A decisão veio nessa sexta-feira (19), após reunião do Conselho de Administração da empresa e será levada à Assembleia Geral marcada para a próxima quinta, dia 25.

Baixar arquivo