Vale prorroga pagamento de auxílio para os atingidos em Brumadinho

Publicado em 01/06/2021 - 22:14 Por Gésio Passos - Repórter Rádio Nacional - Brasília

 A mineradora Vale divulgou, nesta terça-feira (01), a prorrogação por mais três meses do pagamento emergencial para os atingidos pelo rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho, Minas Gerais.

A empresa informou que o pagamento continuará sendo feito até agosto e que não será mais renovado. Após esse período, o pagamento será substituído pelo Programa de Transferência de Renda previsto no acordo assinado em fevereiro deste ano entre a Vale, o governo de Minas Gerais e a justiça.

Segundo a mineradora, os valores referentes ao programa serão depositados em juízo, descontado o que o que for pago nos três meses de adiantamento emergencial, prorrogado pela empresa.

A Vale informou que, após agosto, o programa de transferência de renda acordado ficará a cargo das instituições públicas que, no período, devem estruturar e gerenciar o programa sem a participação da mineradora.

A empresa disse que 100 mil pessoas vem recebendo o pagamento emergencial que já teve custos de R$ 1,7 bilhão.

O acordo assinado em fevereiro prevê indenização de R$ 37 bilhões pela Vale. Desses, 4 bilhões serão destinados ao programa de transferência de renda aos atingidos pelo rompimento da barragem de Brumadinho. O restante será destinado a obras no estado e recuperação ambiental.

Procurada, a Associação dos Familiares de Vítimas e Atingidos do Rompimento da Barragem da Mina Córrego do Feijão disse que os atingidos e vítimas não participaram do acordo conduzido pelo estado.
 
O rompimento da barragem da Vale, em 2019, no distrito de Brumadinho, deixou 270 mortos. 10 corpos ainda estão desaparecidos. A tragédia deixou um rastro de poluição na bacia do rio Paraopeba, afetando milhares de pessoas.

Edição: Roberto Piza / Alessandra Esteves

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Idosos de 84 a 89 anos podem tomar terceira dose nesta semana no Rio

Pacientes com alto grau de imunossupressão, maiores de 60 anos , também poderão se vacinar

Baixar arquivo
Segurança

Fiocruz supera 4,5 milhões de vacinas na semana

Com a entrega, a Fiocruz alcança a marca de 96,5 milhões de doses disponibilizadas ao Programa Nacional de Imunizações. 

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Este domingo é o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência

O Centro Cultural Banco do Brasil promove, a partir das14h, conversas públicas presenciais em suas unidades, para ampliar o conhecimento e envolver a todos nos diferentes aspectos que caracterizam esta luta, que deve envolver todos os brasileiros com ou sem deficiência.

Baixar arquivo
Geral

Começa a Semana Nacional do Transito que discute a redução de mortes

Começou neste sábado,  e vai até o dia 27 deste mês, a Semana Nacional de Trânsito, com atividades de educação, conscientização e fiscalização nas ruas e estradas do país. Neste ano, o tema é ‘trânsito, sua responsabilidade salva vidas”.

Baixar arquivo
Geral

Decreto permite a Anatel ampliar acesso a internet

Um decreto sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro dá poder para a Anatel firmar compromissos com as operadoras de telecomunicações que ampliem o acesso à internet, especialmente nas localidades com baixa ou nenhuma conectividade.

Baixar arquivo
Saúde

Inca lança aplicativo para facilitar o cadastro de doadores de órgãos

O Redome, Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea, coordenado pelo Inca, Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, lançou neste sábado um novo aplicativo para facilitar o cadastro de doadores de órgãos.

Baixar arquivo