Cientistas pedem inclusão do status de pai ou mãe no currículo

Publicado em sexta-feira, 8 Janeiro, 2021 - 15:02 Por Leandro Martins - Brasília

Um projeto busca alterar o currículo de pesquisadores acadêmicos na Plataforma Lattes, que é o sistema oficial do Brasil para cadastro de cientistas das diversas áreas do conhecimento.

É a campanha Parent in Science, que quer a inclusão da condição de paternidade ou maternidade entre os dados do pesquisador. O argumento é de que cientistas que têm filhos enfrentam mais dificuldades para conciliar essa condição com os estudos. Em alguns casos, chegam a interromper a carreira acadêmica durante anos, o que acaba afetando a produtividade.

Com a possibilidade de colocar a informação no currículo, recrutadores, universidades e agências de incentivo à pesquisa poderão compreender o motivo da queda na produção dos trabalhos.

A presidente-substituta do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Zaira Turchi, afirma que a instituição é sensível a essa reivindicação.

Zaira Turchi ressalta que, mesmo com a concordância do CNPq sobre a reivindicação do movimento, qualquer alteração na Plataforma Lattes requer adaptações técnicas, o que precisa de  tempo e investimento.

A campanha Parent in Science tem uma página no Facebook. Em 2019, apresentou formalmente a reivindicação ao CNPq, mas ainda aguarda resposta.

Edição: Ana Pimenta

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Prova de vida de aposentados segue suspensa até fevereiro

Com o novo decreto publicado nesta quarta-feira (20), o INSS prorrogou até fevereiro a suspensão do corte dos pagamentos de quem não fez a comprovação, tanto para residentes no Brasil ou no exterior.

Baixar arquivo
Educação

Niterói classifica educação como atividade essencial

Com isso, escolas poderão funcionar e ano letivo deve começar em março. Atualmente, a cidade está no nível amarelo de controle da covid-19, o que significa que até o ensino fundamental pode retornar às aulas presenciais. O secretário de Educação disse que, no entanto, ainda não há decisão para reabertura imediata das escolas.

Baixar arquivo
Geral

Em Sergipe, prefeito deve responder por tomar vacina contra a covid-19

Prefeito do interior do estado de Sergipe poderá responder por ter tomado a vacina contra a covid-19 sem fazer parte dos grupos prioritários. 

Os detalhes com Pedro Ramos, da Rádio UFS FM de Aracaju. 

Baixar arquivo
Geral

INSS suspende atendimento do PREVBarco a comunidades do Amazonas

Com o agravamento da pandemia no Amazonas, o INSS resolveu suspender as missões dos chamados PREVBarcos, que são Unidades Móveis Flutuantes de atendimento à população ribeirinha e trabalhadores rurais.

Baixar arquivo
Justiça

Governo do AM terá que prestar informações sobre falta de oxigênio

Nessa terça-feira (19), a justiça determinou que o governo  do Amazonas devolva,  em 48 horas, 155 cilindros de oxigênio reabastecidos ao município de Coari. Em caso de descumprimento, a multa pode chegar até R$10 milhões.

Baixar arquivo