Técnica inovadora é aposta da ciência para um tipo de câncer do rim

Entre os pesquisadores está um brasileiro

Publicado em sexta-feira, 12 Fevereiro, 2021 - 12:18 Por Fabiana Sampaio - Rio de Janeiro

Pesquisa com uma substância derivada da clorofila, conduzida por um brasileiro,  tem resultados iniciais animadores no tratamento de um tipo de câncer de rim. O tumor urotelial do trato superior, responsável por 5% a 10% dos cânceres do trato urinário,  ganha uma perspectiva de tratamento inovadora que consegue preservar o rim do paciente.

 O estudo em fase 1 mostrou evidências importantes da terapia para eliminar o tumor com uma ou no máximo duas sessões. O urologista mineiro Lucas Nogueira, um dos responsáveis pela pesquisa realizada na Memorial Sloan-Kettering Cancer Center, em Nova York, explicou como é realizada a técnica inovadora.

Nogueira destaca as vantagens  para os pacientes, pelo baixo impacto que o método oferece. Após  cerca de 11 meses de acompanhamento, 93% dos voluntários mantiveram o rim que tinha sido afetado pelo câncer e a função renal não foi significativamente prejudica.

O tratamento, no entanto, é contraindicado para pacientes com distúrbios de coagulação ou que fazem uso de anticoagulante. O resultado promissor levou a FDA, agência reguladora americana, a autorizar a realização de estudo fase 3, sem a necessidade da etapa anterior. A nova fase do estudo começa em abril e vai envolver cerca de 20 centros localizados nos Estados Unidos, Europa e Israel.

De acordo com o urologista, se os resultados forem mantidos, o tratamento deverá ser avaliado pela FDA para uso em três anos. O Tumor Urotelial do Trato Alto é contabilizado junto ao câncer de rim e por isso não há dados exatos sobre a incidência no Brasil. Mas se sabe que é duas vezes mais comum em homens, principalmente a partir dos 60 anos.

O câncer é assintomático, sendo descoberto muitas vezes devido ao aparecimento de sangue na urina. o aumento da frequência urinária e dor ao urinar são outros sintomas que podem levar à descoberta da doença.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Prazo para prestar conta com o Leão começa nesta segunda-feira

Começa a correr nesta segunda-feira (01) o prazo para a apresentação das contas ao Leão. O contribuinte pode entregar a Declaração do Imposto de Renda até o dia 30 de abril e precisa ficar atento a algumas mudanças.

Baixar arquivo
Saúde

Dia Mundial da Doença Raras marca importância do diagnóstico

No dia em que se celebra o Dia Mundial da Doença Rara nós temos uma missão, identificar a complexidade dessa luta junto à entidades, órgãos governamentais e pacientes.

Baixar arquivo
Geral

Chuvas fortes causaram estragos em várias regiões do país em fevereiro

Fevereiro se despede com chuvas fortes que causaram estragos em várias regiões do Brasil. O mapa meteorológico do país durante o mês ficou todo marcado com as cores amarela, laranja e vermelha, em alerta de perigo por causa da quantidade de chuvas.

Baixar arquivo
Saúde

Novo decreto do governador do DF visa para diminuir aglomerações

O Distrito Federal entrou em lockdown neste domingo (28), valendo até o dia 15 de março. O novo decreto do governador Ibaneis Rocha, publicado nesse sábado, é para diminuir as aglomerações, já que faltam leitos hospitalares para covid-19.

Baixar arquivo
Economia

Postos de combustíveis vão receber dispositivo de certificação digital

Quem tem carro, moto ou caminhão sabe que as despesas com o combustível estão pesando cada vez mais no bolso.

Baixar arquivo
Geral

Pará entra no período de alta safra da pupunha e produção do palmito

Em época de alta safra da pupunha no Pará, especialista chama a atenção para mais investimentos neste mercado. 

Os detalhes com João Paulo Seabra Rádio Cultura FM de Belém. 

Baixar arquivo