Temer se dispõe a buscar crianças brasileiras retidas nos Estados Unidos

Política

Publicado em 26/06/2018 - 17:14 Por Danyele Soares - Brasília

Ao receber o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, que está em visita oficial a Brasil, o presidente Michel Temer ofereceu transporte de volta ao país para as 51 crianças que estão em abrigos após serem separadas dos pais, considerados imigrantes ilegais.

 

Por causa da política de tolerância zero imposta por Donald Trump, milhares de crianças e adolescentes de diversas nacionalidades foram separados dos pais e estão em abrigos nos Estados Unidos. Temer também pediu ao norte-americano especial atenção ao tema para garantir que as famílias possam se reencontrar o quanto antes.

 

Mike Pence respondeu, dizendo que Trump está fazendo o possível para manter as famílias unidas mas, também para cumprir as leis daquele país. Disse que é preciso respeitar as fronteiras e fez um apelo aos cidadãos de países vizinhos. Pediu para que as famílias não arrisquem suas vidas nem acreditem em contrabandistas. E foi enfático ao dizer que, se o cidadão não tem condições de entrar legalmente nos Estados Unidos não deve ir àquele país.

 

No encontro, Temer e Pence também conversaram sobre a crise humanitária na Venezuela. Pence pediu ao Brasil o que chamou de “mais atitude” para isolar o regime de Nicolás Maduro. E afirmou, em inglês, que o país está orgulhoso em apoiar os esforços brasileiros para acolher refugiados do país latino-americano.

 

Temer e Pence assinaram um acordo sobre transportes aéreos entre Brasil e Estados Unidos. Segundo o presidente, a intenção é aproximar a Agência Espacial Brasileira e a Nasa.

 

E ainda firmaram um compromisso na área de previdência social que permite a brasileiros que vivem naquele país somar tempo de contribuição registrado no exterior. Isso também vale para americanos que trabalham no Brasil. Segundo Temer, a medida deve beneficiar mais de um milhão de brasileiros que trabalham nos Estados Unidos.

 

No encontro, Temer também falou sobre Copa do Mundo. Disse que é um assunto que toma todas as atenções no Brasil e pediu a torcida dos americanos, caso a seleção canarinho chegue à final do campeonato.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Cultura

Perto dos 90 anos, Zuenir Ventura estreia série Depoimentos Cariocas

Vídeos sobre a memória da cidade do Rio de Janeiro, por meio do olhar de quem já contou tantas histórias sobre ela, são o tema da série “Depoimentos Cariocas”.

Baixar arquivo
Saúde

SP: motoristas e cobradores de ônibus começam a ser vacinados

Motoristas e cobradores de ônibus municipais e intermunicipais do estado de São Paulo começaram a ser vacinados nesta terça-feira. Vão receber a vacina as pessoas com mais de 47 anos, e a previsão é imunizar 165 mil trabalhadores.

Baixar arquivo
Saúde

Câmara discute autorização do cultivo da maconha para uso medicinal

Agressão e bate-boca marcaram a discussão na Câmara dos Deputados sobre o projeto de lei que autoriza o cultivo da maconha para fins medicinais e a votação da medida foi adiada.

Baixar arquivo
Segurança

Golpe! Falsários enviam carta informando sobre supostas indenizações

Mais um golpe na praça. Tem gente se passando por representante do Ministério da Economia e enviando uma carta para contribuintes informando sobre supostas indenizações ou resgate de contribuições previdenciárias.

Baixar arquivo
Internacional

Consulado do Japão oferece 6 tipos de bolsas de estudo a brasileiros

As oportunidades são para cursos de graduação com duração de 5 anos; escola técnica com previsão de formação em 4 anos e cursos profissionalizantes com duração de 3 anos.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeitura do Rio vacina pessoas a partir de 41 anos com comorbidades

A partir desta semana, a Prefeitura do Rio de Janeiro passa a vacinar duas faixas etárias por dia contra a covid-19. A imunização será para quem tem 42 e 41anos e tem comorbidades. Profissionais de saúde também devem procurar os postos de vacinação de acordo com a idade.

Baixar arquivo