Governo do DF fecha Esplanada dos Ministérios; decreto cita atos antidemocráticos

Decreto cita atos antidemocráticos

Publicado em 16/06/2020 - 15:52 Por Victor Ribeiro - Brasília

O Governo do Distrito Federal decretou, nessa terça-feira, o fechamento da Esplanada dos Ministérios, na região central de Brasília. A previsão é de liberar a área a partir da meia-noite de quarta para quinta-feira. Até lá, somente servidores públicos identificados e que estejam a serviço serão autorizados a trafegar pela Esplanada.


De acordo com o decreto assinado pelo governador do DF, Ibaneis Rocha, o bloqueio se deve às ameaças feitas por grupos antidemocráticos contra os Poderes da República e também contra integrantes da Igreja Católica que atuam na Catedral Metropolitana, que fica na Esplanada.


No fim de semana, a Polícia Militar desmontou o acampamento de um grupo de cerca de 20 pessoas que reivindicavam intervenção militar, o que é inconstitucional. Após a expulsão, eles invadiram a área superior do Congresso Nacional e atiraram fogos de artifício na direção do Supremo Tribunal Federal.


No texto do decreto, o governador afirma que o movimento contraria as medidas sanitárias de combate ao novo coronavírus. Ibaneis avalia que “a situação demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar uma maior proliferação da doença no Distrito Federal”.


O fechamento da Esplanada é feito por agentes do Detran e do Departamento de Estradas e Rodagem do DF. Se alguém tentar furar o bloqueio pode ser multado, detido e responder pelo crime de infração de medida sanitária preventiva, previsto no Código Penal.

Últimas notícias
Política

Governo estuda propor PEC para reduzir preços de combustíveis

Com a mudança constitucional, o governo não seria obrigado a compensar a redução dos impostos sobre combustíveis com a elevação de outros tributos, como determina a Lei de Responsabilidade Fiscal. 

Baixar arquivo
Educação

Enem 2022 vai ocorrer dias 13 e 20 de novembro

As provas do Enem 2022 - o Exame Nacional do Ensino Médio - devem acontecer nos dias 13 e 20 de novembro.

Baixar arquivo
Economia

Paulo Guedes diz que PIB deve crescer em 2022

A declaração do ministro foi feita durante a participação dele no Fórum Econômico Mundial, que acontece em Genebra, na Suíça, no painel sobre as Perspectivas Econômicas Globais.

Baixar arquivo
Esportes

Desafio do técnico do Corinthians é armar meio-campo

Sylvinho descarta Paulinho como 1º volante e vê pressão como natural. Técnico do Corinthians crê que protagonistas do time podem atuar juntos.

Baixar arquivo
Política

Olinda Bolsonaro, mãe do presidente da República, morre aos 94 anos

Após a morte da mãe, na madrugada desta sexta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro (PL) cancelou compromissos em viagem à Guiana – país que faz fronteira com a região Norte do Brasil – e retornou ao país.

Baixar arquivo
Geral

Covid: Na Bahia servidores são afastados por não comprovarem vacinação

O governo da Bahia publicou no Diário Oficial as portarias que orientam o afastamento temporário de 283 servidores de 13 órgãos e secretarias do estado, por não comprovarem a vacinação contra a covid-19.

Baixar arquivo