Atualização da caderneta e vacinação de polio e sarampo vão até dia 30

Ministério da Saúde alerta para queda na cobertura vacinal

Publicado em 23/10/2020 - 20:07 Por Renata Martins - Brasília

Três campanhas de vacinação se enceram em uma semana. As ações contra a poliomielite e o sarampo e a multivacinação vão até dia 30 de outubro.

A vacina da poliomielite é para crianças de 1 a  5 anos de idade incompletos. A gotinha previne contra a paralisia infantil. O Ministério da Saúde estima que 11 milhões de crianças devem receber a dose contra a poliomielite. A meta é vacinar pelo menos 95% deste público.

Há, ainda, a de combate ao sarampo. Essa, para o público de 20 a 49 anos de idade. A campanha é indiscriminada, ou seja, mesmo aqueles que já tomaram a vacina de sarampo podem tomar outra dose.

Até o final deste mês também está em vigor a Campanha Nacional de Multivacinação, voltada para menores de 15 anos de idade. O objetivo é a atualização da caderneta desse público.

No Distrito Federal, postos de saúde funcionando em horários diferentes, filas e longa espera para conseguir vacinar os filhos têm gerado reclamações.

Laura Souza vacinou os dois filho no sábado (17) – dia D da campanha. Ela relata que ao levar as crianças para consultar no meio da semana presenciou muita confusão no setor de vacinas da Unidade Básica de Saúde 01 do Paranoá.

A Secretaria de Saúde informou que o horário de vacinação ocorre em todas as salas, de 8h às 17h. As salas estão abastecidas com as vacinas, mas faltas pontuais podem ocorrer.
Porém, na relação dos postos de vacinação, disponível na página da secretaria, não há um padrão de horário. Alguns fecham para o almoço, outros não. Os dias de funcionamento também são diferentes, a depender da unidade, e nem todos têm expediente aos sábados.

Em três semanas de Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite, o Distrito Federal vacinou apenas 30% da meta, que é imunizar 160 mil crianças.

O Ministério da Saúde tem alertado sobre a queda na cobertura vacinal nos últimos anos. Em 2019, por exemplo, cerca de 7,7 milhões de crianças e adolescentes não se vacinaram contra a Febre Amarela.

O Ministério da Saúde afirma ainda que distribuiu mais de 23,3 milhões de doses da vacina oral contra a poliomielite aos estados - 304 mil delas  para o DF.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Movimento em SP volta a crescer com flexibilização da quarentena

Movimento nas ruas de São Paulo volta a crescer com flexibilização da quarentena. No primeiro dia útil com as novas regras que flexibilizaram a quarentena no estado de São Paulo, a capital paulista registrou picos de congestionamento e transporte público lotado.

Baixar arquivo
Economia

Relatoria da reforma tributária deve ser fatiada no Congresso Nacional

A Reforma Tributária em tramitação no Congresso Nacional deve ser fatiada e dividida entre três ou quatro relatores diferentes. A definição sobre o formato da reforma deve ser divulgada nesta semana.

Baixar arquivo
Geral

Em Niterói rua vai se chamar "Ator Paulo Gustavo"

Moradores de Niterói aprovaram a mudança do nome da Rua Coronel Moreira César para Ator Paulo Gustavo. A Prefeitura do município fez uma consulta pública e mais de 30 mil pessoas participaram da votação e 90,2% dos participantes concordaram com a renomeação da rua.

Baixar arquivo
Educação

Alunos que criaram tecnologias sociais podem concorrer a prêmios

Crianças e adolescentes que tenham desenvolvido tecnologias que ajudem a resolver problemas sociais podem participar da categoria “Educação para o Futuro” do prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social.

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

Meninas podem se inscrever em evento sobre acesso à universidade

O projeto Astrominas está em sua segunda edição e foi criado em 2019 para facilitar o acesso de jovens alunas à universidade.

Baixar arquivo
Segurança

Em Salvador suspeitos das mortes de tio e sobrinho são presos

Pelo menos seis envolvidos no duplo homicídio de homens que furtaram carne em um hipermercado, em Salvador, foram presos. A operação Retomada foi realizada por 200 policiais civis, que capturaram três segurança particular, do supermercado Atakarejo, e três traficantes, do bairro de Amaralina.

Baixar arquivo