Obesidade afeta um em cada quatro brasileiros, revela IBGE

Mulheres são as mais afetadas por sobrepeso e obesidade

Publicado em 21/10/2020 - 12:06 Por Lígia Souto - Brasília

Mais de 60% dos brasileiros maiores de 18 anos estão acima do peso, o que corresponde a 96 milhões de pessoas. Já a obesidade afetou uma em cada cada quatro pessoas. Os dados fazem parte do volume dois da PNS-Pesquisa Nacional de Saúde referente a 2019, divulgada nesta quarta-feira (21) pelo IBGE. A coleta de informações foi feita entre agosto de 2019 e março deste ano.

O levantamento traçou um diagnóstico da saúde da população, com base em dois temas: a antropometria, que analisou a prevalência do excesso de peso e da obesidade, e a Atenção Primária à Saúde, que de maneira inédita avaliou os cuidados prestados nas unidades básicas de saúde do país.

A investigação antropométrica identificou que dos 96 milhões de brasileiros com 18 anos ou mais que apresentavam sobrepeso, 62,6% eram mulheres e, 57,5%, homens.

Já entre os adolescentes de 15 a 17 anos, o sobrepeso atingia 19,4% e, a obesidade, 6,7%. Também nessa faixa etária, as mulheres foram as mais afetadas.

Comparada com pesquisa feita pelo IBGE em 2003, esta edição da PNS revela que a obesidade entre adultos acima dos 20 anos mais que dobrou, passando de 12,2% para 26,8%.

Ainda nesses 17 anos, a proporção de pessoas com excesso de peso, também entre aqueles com 20 anos ou mais, subiu de 43,3% para 61,7%.

A analista do IBGE, Flávia Vinhaes, responsável pela pesquisa, afirma que a prevalência do excesso de peso e da obesidade entre as mulheres foi maior em quase todas as faixas etárias, com exceção do grupo acima dos 60 anos.

A pesquisadora chama a atenção para os resultados, que devem servir para embasar as ações de combate à obesidade e excesso de peso no país.

No que se refere a Atenção Primária à Saúde, o levantamento apontou que nos 6 meses que antecederam a entrevista, mais de 17 milhões de pessoas utilizaram algum serviço nessas unidades. As respostas aos questionários receberam valores, de 0 a 10, usados para calcular a pontuação do serviço que foi prestado aos pacientes. A  média ficou em 5,9, como explica Flávia Vinhaes.

Do total de pessoas que utilizaram algum serviço de Atenção Primária à Saúde, as mulheres eram a maioria, quase 70%. No recorte por cor ou raça, o predomínio foi de pretos ou pardos, que somaram mais de 60%.

Edição: Adrielen Alves

Últimas notícias
Educação

Enem 2021: estudantes consideram a prova de matemática a mais difícil

São Paulo foi o estado com maior número de inscritos. Seguido por Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro e Ceará. 

Baixar arquivo
Economia

Aneel anuncia bandeira Verde para dezembro

Somente os consumidores que recebem o benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica terão direito a bandeira verde. Os demais consumidores seguem na bandeira de Escassez Hídrica.

Baixar arquivo
Geral

Aeroviários cancelam greve programada para amanhã (29)

O Sindicato Nacional dos Aeronautas informou que funcionários decidiram, em votação on-line, aceitar a proposta para a renovação da Convenção Coletiva de Trabalho. 

Baixar arquivo
Saúde

Alagoas divulga protocolos de segurança para temporada de cruzeiros

Os viajantes e tripulantes, de procedência nacional ou internacional, devem ser monitorados durante todo o percurso, seguindo o protocolo sanitário disposto pela companhia do navio.

Baixar arquivo
Educação

Começa o segundo dia de provas do Enem 2021

O segundo dia de provas do Enem começou com a abertura dos portões ao meio dia. As provas começaram às 13h30 e os estudantes podem deixar os locais de provas às 15h30, sem o caderno de questões. Somente a partir das 18h será possível sair com o caderno de questões.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Parque Nacional do Iguaçu virava patrimônio natural mundial há 35 anos

No dia 28 de novembro de 1986, o parque, que fica no extremo oeste do Paraná, entrou para a seleta lista elaborada pela Unesco; área reúne mais de duas mil espécies de plantas, 400 espécies de aves e 275 quedas d’água.

Baixar arquivo