Fiocruz entregará mais 2,8 milhões de doses de vacina esta semana

Somadas à remessa anterior, serão 5 milhões de doses entregues

Publicado em 15/04/2021 - 12:22 Por Raquel Júnia - Rio de Janeiro

A Fundação Oswaldo Cruz informou que entregará até o fim da semana mais 2,8 milhões de doses da vacina contra a covid-19. Nessa quarta-feira (14), já haviam sido enviados ao Programa Nacional de Imunizações 2,2 milhões de doses do imunizante Oxford-Astrazeneca, totalizando nesta semana 5 milhões de vacinas.

Segundo a Fiocruz, 215 mil doses permaneceram no Rio de Janeiro de acordo com a logística de distribuição definida pelo Ministério da Saúde. De acordo com o cronograma da Fundação, está prevista para a semana que vem a entrega de mais 4,7 milhões de vacinas.

Durante a abertura de um seminário internacional sobre a pandemia e direitos humanos nesta quinta-feira (15), a presidenta da Fiocruz, Nisia Trindade, destacou a gravidade do momento no Brasil e a importância da estratégia de vacinação e da pesquisa sobre a covid-19 desenvolvida pelo SUS.

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio informou que iniciou a distribuição para os municípios das novas doses entregues pela Fiocruz.  Nesta quinta-feira, os insumos serão entregues por helicóptero a 88 cidades fluminenses. Segundo os dados oficiais do estado, foram vacinadas até o momento com a primeira dose 1.715.096  pessoas.

Na capital, estão sendo vacinados nesta quinta-feira, as mulheres com 62 anos, os profissionais de saúde com 51 anos, além dos profissionais de segurança pública, que estão no segundo dia de imunização nos quartéis. A vacinação ainda está suspensa, no entanto, em Niterói, na região metropolitana, por falta de doses.

A Secretaria de Saúde informou que também estão sendo distribuídos aos municípios medicamentos do kit intubação e que está empenhando todos os esforços para buscar alternativas viáveis para resolver o abastecimento. O insumo usado em pacientes com quadro grave de covid e que necessitam de intubação começou a faltar em diversas unidades desde a semana passada, de acordo com relatos dos próprios profissionais de saúde.

Segundo a pasta, há um processo em andamento de compra para suprir a necessidade do estado nos próximos três meses, além de adesão a atas de compras do Ministério da Saúde.

Edição: Ana Lúcia Caldas/Adrielen Alves

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Satélites em órbita fazem parte da nossa realidade, diz especialista

Os satélites não são apenas importantes para as telecomunicações, são essenciais. Sem eles, você não estaria acompanhando essa reportagem agora.

Baixar arquivo
Geral

Senado aprova projeto que beneficia vítimas de violência doméstica

A proposta reserva 10% das unidades habitacionais  às mulheres vítimas de violência em programas de habitação financiados com recursos públicos, como o Casa Verde e Amarela.

Baixar arquivo
Política

Caixa disponibilizará R$ 15 bilhões em crédito para o agronegócio

A Caixa Econômica Federal vai fazer parte do Plano Safra, o programa que disponibiliza crédito para o agronegócio. É a primeira vez que o banco integra o financiamento da safra nacional com uma linha de crédito que será destinado aos pequenos e médios produtores.

Baixar arquivo
Esportes

Palmeiras vence Santos por 3 a 2

O Palmeiras venceu o Santos por 3 a 2, pelo campeonato paulista. E neste sábado (8) teremos campeonato carioca, com Vasco e Madureira e Flamengo e Volta Redonda. 

Confira as informações do futebol com Bruno Mendes. 

Baixar arquivo
Geral

Domingo é Dia das Mães e as que estão em home office superam desafios

Com a pandemia, veio a realidade do home office.Com mudanças tão desafiadoras na rotina, a psicóloga Carla Antloga, avalia ser difícil que isso não afete na produtividade, mas a sociedade, empresas e órgãos precisam olhar os prazos e demandas das mães de formas diferentes e com empatia.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Mulheres enfrentam desafios para voltar ao mercado após maternidade

Uma pesquisa de doutorado acompanhada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) retrata bem isso: 40% das mulheres saem do mercado formal de emprego depois de serem mães e esse número se mantém por 5 anos após o nascimento dos filhos.

Baixar arquivo