LER/Dort são doenças que afastam profissionais do trabalho

Publicado em 16/06/2021 - 18:56 Por Com supervisão de Sheily Noleto, Larissa Lousrhania estagiária da Rádio Nacional - Brasília

Se você faz os mesmos movimentos todos os dias e sente dores na região das mãos, fique alerta, isso pode ser uma lesão por esforço repetitivo, LER, ou se tratar de Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho, Dort.

As formas mais conhecidas desse grupo de doenças são as inflamações de tendões, síndrome do túnel do carpo, bursite e cotovelo de tenista. A professora Marcia de Oliveira Cunha há 16 anos foi diagnosticada com LER, ela conta que teve o problema devido aos movimentos repetitivos que realizava nas aulas de Educação Física na escola, apresentando os fundamentos de basquetebol, voleibol, futsal e handebol. Márcia que tem 48 anos está afastada da função devido as dores provocadas pela doença.

Um levantamento feito pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, do Governo Federal mostrou que em 2020 mais de oito mil auxílios-doença foram concedidos aos trabalhadores com sintomas de LER-Dort. E só no primeiro trimestre desse ano, cerca de mil e quinhentas pessoas ficaram afastadas do trabalho por mais de 15 dias para tratar essas doenças.

O diretor da Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão, o médico Antônio Carlos da Costa explica que essas dores são cumulativas, e quando o corpo não consegue se recuperar, as lesões aparecem.

“Começou a ter sintomas o correto é procurar o departamento médico e procurar um especialista. É muito importante também fazer os alongamentos fazer os fortalecimentos que muitas vezes isso você faz na ginástica laboral, e respeitar os intervalos também, são alguns cuidados que todo trabalhador deve ter”, alerta Costa.

Aos primeiros sinais de dor ou formigamento nas mãos, a recomendação dos especialistas é procurar um médico para avaliar o caso.

Edição: Sheily Noleto/ Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Prefeitura reabre o Vale do Anhangabaú para atividades públicas

Decisão só foi possível porque cerca de 80% da população da cidade de São Paulo com 18 anos ou mais já tomou, pelo menos, uma dose da vacina contra covid-19.

Baixar arquivo
Geral

Anvisa decide não analisar pedido de uso emergencial da Covaxin

A agência reguladora já havia suspendido os estudos clínicos da vacina no país, sendo que a aplicação em voluntários brasileiros nem chegou a ocorrer.

Baixar arquivo
Esportes

Vôlei feminino do Brasil estreia com vitória nos Jogos Olímpicos

Além das competições, destaque vai para a aproximação de uma tempestade tropical que, dependendo de como atingir o Japão, a agenda olímpica poderá ser suspensa.

Baixar arquivo
Geral

Brasil recebe mais 2,1 milhões de vacinas da Pfizer contra a covid-19

Entregas fazem parte de 13 milhões de doses até o dia 1º de agosto, provenientes do primeiro contrato assinado entre a Pfizer e o governo federal em março.

Baixar arquivo
Esportes

Brasileiros conquistam as primeiras medalhas nas Olimpíadas de Tóquio

Kelvin Hoefler fez história ao participar do primeiro pódio olímpico do skate e o estreante Daniel Cargnin garantiu medalha no judô ao vencer israelense por waza-ari.

Baixar arquivo
Geral

Ilha de Paquetá, Rio, vacina hoje adolescentes contra covid-19

A ação com cerca de 400 adolescentes é mais uma etapa do projeto PaqueTá Vacinada, da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz.

Baixar arquivo