Carnaval de São Paulo terá reforço de 15 mil policiais na segurança

Publicado em 30/01/2024 - 17:23 Por Leandro Martins - repórter da Rádio Nacional - São Paulo

Para aumentar a segurança dos foliões no Carnaval 2024 e repetir o êxito de 2023, quando houve redução de crimes em São Paulo, a Secretaria de Segurança Pública paulista anunciou a Operação Carnaval. Haverá reforço de 15 mil policiais militares e seis mil viaturas em todo o estado.  A mobilização começa já neste sábado, dia 3, com o pré-Carnaval. Depois, o efetivo ficará empenhado durante o Carnaval, entre os dias 5 e 16, e também no pós-Carnaval, no fim de semana dos dias 17 e 18. 

Uma das modalidades de policiamento será a de aproximação, em que policiais a pé vão circular por locais estratégicos e de encontros públicos, para fácil localização, em caso de ajuda. Também haverá agentes à paisana, misturados ao público, em trajes civis, para observar atitudes suspeitas e evitar crimes.

Um aplicativo vai permitir que os policiais comuniquem imediatamente à central da PM, quando precisarem reforço. O comandante-geral da PM, coronel Cássio de Freitas, explicou como vai funcionar. 

Além do policiamento ostensivo para flagrar roubos e furtos de celular, um dos crimes mais registrados atualmente, a PM vai atuar no combate à receptação dos aparelhos. A corporação treinou agentes para atuar também em casos de importunação sexual.

A Operação Carnaval vai contar também com o apoio da Polícia Rodoviária, para garantir a segurança nos deslocamentos pelas estradas. Também haverá colaboração de agentes da Operação Verão, que já está em andamento no litoral.

Edição: Nádia Faggiani/ Pollyane Marques

Últimas notícias
Geral

FAB está de prontidão para resgatar brasileiros em áreas de conflito

Após os ataques do Irã a Israel, o governo brasileiro informou que está pronto, caso necessário, para resgatar brasileiros na área de conflito. Em nota, a Força Aérea Brasileira afirma se manter em prontidão para atuar a qualquer hora e em qualquer local, assim que for acionada pelas autoridades.

Baixar arquivo
Internacional

Conselho de Segurança da ONU faz reunião de emergência neste domingo

A reunião acontece após pedido de Israel, que foi atacado pelo Irã na noite desse sábado (13). O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, já se manifestou condenando o ataque iraniano e pedindo “o fim imediato das hostilidades”.

Baixar arquivo
Geral

Lei que criminaliza bullying prevê pena de até quatro anos de prisão

O objetivo da lei, sancionada este ano, é inibir essa prática nas escolas e, principalmente, no mundo virtual, onde o Brasil está no topo da lista nesse assunto. Menores de idade podem ser responsabilizados pela Vara da Infância e da Juventude.

Baixar arquivo
Geral

Brasil pede esforço para conter escalada de tensão no Oriente Médio

O governo brasileiro manifestou grave preocupação com os relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel. O comunicado pede que todas as partes envolvidas exerçam máxima contenção e chama a comunidade internacional para mobilizar esforços e evitar uma escalada.

Baixar arquivo
Internacional

Ruas de Israel amanhecem vazias após ataques do Irã

Domingo é o primeiro dia da semana de trabalho em Israel. Depois de uma madrugada em claro, acompanhando ao vivo os ataques, os israelenses acordaram com uma sensação ambígua: o alívio pelo bom funcionamento do sistema de defesa, mas também o temor do que está por vir.

Baixar arquivo
Política

Renegociação de dívidas e PEC das Drogas agitam o Senado

PEC das Drogas, renegociação de dívida dos estados, revisão do Código Civil, Imposto de Renda. A semana vai ser cheia no Senado.

Baixar arquivo