Brasil e Portugal criam prêmio de literatura infanto-juvenil

Publicado em 05/05/2017 - 22:57 Por Sayonara Moreno - Correspondente da Agência Brasil - Salvador

Os ministérios da Cultura de Brasil e Portugal criaram hoje (5) o Prêmio Monteiro Lobato de Literatura Infanto-Juvenil , como forma de incentivar jovens leitores. A proposta é premiar, anualmente, autor e ilustrador dos países de Língua Portuguesa, conhecidos como lusófonos. O prêmio foi um dos acordos bilaterais relacionados à produção cultural assinados durante a 10ª Reunião de Ministros da Cultura da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que ocorreu nesta sexta-feira em Salvador.

“Nós [brasileiros] ainda lemos muito pouco e precisamos da formação de novos leitores através desse incentivo às comunidades dos países de língua portuguesa para os seus escritores de literatura infanto-juvenil. É de um grande significado a assinatura desse prêmio e nos moldes de um prêmio exitoso na comunidade, como o Prêmio Camões”, disse o ministro da Cultura brasileiro, Roberto Freire.

O encontro reuniu ministros ou  representantes do Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste e ocorre na data em que é comemorado o Dia da Língua Portuguesa.

Políticas públicas

De acordo com o Ministério da Cultura, a reunião é uma tentativa de definir uma “instância formal que coordene políticas públicas relacionadas à proteção, salvaguarda e promoção do patrimônio cultural material e imaterial dos nove países de Língua Portuguesa”. Durante o encontro, foram debatidas outras formas de apoio e colaboração em produções e trocas culturais. A proposta é valorizar as diversas culturas dos países-membros da CPLP, colocando em prática os acordos bilaterais assinados no encontro.

“Nós temos alguns programas importantes, inclusive na visão do impacto econômico que a cultura tem: uma visão de que é necessário não apenas intercambiando documentários, filmes, peças de teatro, mas buscando tudo isso juntos com capacitação, integração econômica, busca de coproduções, para que também haja desenvolvimento desses países, para que não sejam somente receptores dessas culturas, mas para contribuir também nessa reciprocidade”, disse Freire.

Após o encontro,  Freire confirmou o apoio a Angola na campanha pela candidatura de Mbanza Congo a Patrimônio Cultural da Humanidade. A região tem reconhecido valor cultural para o país e serviu de base para o reino do Congo, entre os séculos 8 e 15.

“O mais importante para nós foi a solidariedade que sentimos da parte brasileira, para a valorização da nossa cultura. Angola viu satisfeita a sua reivindicação, que é o reconhecimento de Mbanza Congo, uma região histórica do nosso país, como candidata a patrimônio da humanidade. Os ministros da Cultura aqui presentes manifestaram a favor da paz e da cultura”, disse a ministra da Cultura de Angola, Caroline Cerqueira.

A CPLP foi criada em 1996 e tem como principal objetivo o “aprofundamento da amizade mútua e da cooperação entre os seus membros” e é dotada de autonomia financeira. Além disso, constitui, “em consonância com as diretrizes da política externa brasileira, um foro prioritário de atuação do Ministério da Cultura em sua área de competência”.

Cidade da Cultura

Como a capital baiana foi escolhida para sediar o encontro, a cidade recebeu o título de Salvador Cidade da Cultura, em declaração assinada pelo ministro brasileiro. Assim será até 2018, quando ocorre uma nova reunião em outro país de língua portuguesa.

O Ministério da Cultura informou que a escolha da capital baiana se deu pelo fato de ter sido a primeira capital do Brasil, entre os séculos 16 e 18. Além disso, a cidade é um “ponto de confluência de culturas europeias, africanas, ameríndias e centro de difusão da língua portuguesa nas mais diversas manifestações culturais”.

“Nós temos em Salvador, na Bahia, talvez o estado mais multicultural, que tenha a diversidade como algo central e tem a ver com as nossas ancestralidades. E, como de praxe, o país que é presidente temporário da CPLP, a cidade onde se realiza a reunião, se transforma a cidade cultural da CPLP. Para nós, brasileiros, é motivo de muito orgulho de dizer a todo mundo o que significa Salvador”, disse Freire.


 

Edição: Fábio Massalli

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Stephanie Soares
Esportes

A história peculiar de uma aposta do basquete brasileiro

Com apenas 20 anos de idade, a jogadora de basquete brasileira Stephanie Soares tem talento incomum. E uma trajetória também.

O presidente da Russia, Vladimir Putin, durante Diálogo dos Líderes com o Conselho Empresarial do BRICS
Internacional

Rússia anuncia primeira vacina contra a covid-19

Produto foi aprovado pelo Ministério da Saúde. A Rússia espera agora poder iniciar a aplicação em massa, mesmo que estejam ocorrendo ainda testes clínicos para comprovar a segurança do produto.

Idosos moradores do Lar São José, em Sobradinho, no Distrito Federal, recebem presentes de Natal
Direitos Humanos

Covid-19: mais de 330 abrigos de idosos já receberam doações

As instituições que já receberam as doações representam 67% dos abrigos cadastrados na primeira etapa da Campanha Solidarize-se, ação promovida pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Parque Nacional da Tijuca
Geral

Ingresso ao Parque Nacional da Tijuca está 80% mais barato

O desconto tem por objetivo estimular o turismo local e diminuir, a curto prazo, os impactos negativos no equilíbrio econômico-financeiro dos contratos, causados pela pandemia da covid-19.

nascentes devem ser protegidas
Geral

Prazo para inscrições no Prêmio ANA 2020 termina no sábado

Inscrições devem ser feitas pelo site da premiação. Cada participante pode inscrever mais de uma iniciativa. Além disso, poderão ser apresentados trabalhos indicados por terceiros.

Premiê britânico, Boris Johnson, deixa residência oficial em Londres
Internacional

Boris Johnson teme que Reino Unido perca poder se Escócia se separar

Escócia depositou 55% dos votos contra a independência em um referendo de 2014, mas o Partido Nacional Escocês, que governa a nação, quer outro pleito.