Prefeitura do Rio libera parte do Engenhão para o Campeonato Carioca

Publicado em 09/01/2015 - 17:58 Por Da Agência Brasil - Rio de Janeiro

A prefeitura do Rio de Janeiro anunciou hoje (9) a liberação de parte do Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, administrado pelo Botafogo, para a disputa de jogos do Campeonato Carioca 2015. A informação foi dada após encontro entre o prefeito Eduardo Paes e o presidente do clube, Carlos Eduardo Pereira.

Segundo informações técnicas do Consórcio Engenhão, responsável pelo projeto de reforma da cobertura do estádio, todo o anel inferior da arquibancada, num total de 20 mil lugares, será liberado imediatamente para os jogos do campeonato. Além do anel inferior da arquibancada, também estarão disponíveis os 1.200 camarotes e as cabines de rádio e televisão.

De acordo com o cronograma de abertura apresentado, os assentos do anel superior começarão a ser liberados gradativamente a partir de março. O presidente do Botafogo informou que a liberação de parte do estádio marcará o reencontro da torcida com o time de futebol. "É uma notícia muito positiva e mais um passo para o resgate da auto-estima do botafoguense", disse Pereira.

A expectativa do dirigente do Botafogo é que esteja tudo em ordem e em boas condições nas obras  já entregues pela prefeitura. Ele informou que a administração do clube fará uma revisão completa nas áreas que serão liberadas para adequá-las de modo a receber o torcedor da melhor maneira possível. Pereira adiantou que, na próxima semana, apresentará um ofício ao prefeito pedindo mudança do nome do estádio. O Botafogo quer que o Engenhão passe a se chamar Estádio Olímpico Nilton Santos, "em homenagem a seu maior atleta e um dos maiores da história da Seleção Brasileira", explicou.

O Engenhão foi interditado em 2013 após o anúncio de que a cobertura do estádio não oferecia condições mínimas de segurança para os torcedores. Após a retirada das escoras usadas durante a construção, houve um deslocamento maior do que o esperado na estrutura do estádio. Na ocasião, os técnicos que avaliaram a situação decidiram que as estruturas tinham de ser imediatamente reforçadas.

O Estádio Olímpico João Havelange foi construído pela prefeitura para os Jogos Pan-Americanos de 2007, em um antigo terreno da Rede Ferroviária Federal, no bairro do Engenho de Dentro, zona norte da cidade. Após licitação vencida pelo Botafogo, o clube passou a disputar seus jogos no local, além de administrá-lo e explorá-lo comercialmente. Em 2009, o clube contratou uma empresa para auxiliar na exploração do estádio. Uma das primeiras medidas adotadas foi a alteração do nome para Stadium Rio.

A primeira partida após a interdição do estádio será disputada no dia 1º de fevereiro: Botafogo x Boavista, válida pelo campeonato carioca deste ano.

Edição: Jorge Wamburg

Últimas notícias