EUA vencem Inglaterra por 2 a 1 e seguem para final da Copa feminina

Publicado em 02/07/2019 - 18:27 Por Fábio Lisboa* - Rio de Janeiro

Em um jogo muito movimentado, os Estados Unidos venceram a Inglaterra por 2 a 1 e se classificaram para a final da Copa do Mundo de Futebol Feminino. Com a vitória obtida no estádio de Lyon, as norte-americanas têm agora a chance de defender o seu título mundial e de alcançar seu quarto caneco na competição.

As norte-americanas já foram campeães em 1991, em 1999 e em 2015, além de alcançarem um vice-campeonato em 2011.

EUA começam melhor

Para surpresa da torcida americana, a técnica Jill Ellis optou por escalar a atacante Press no lugar de Rapinoe na equipe titular.

A primeira chance clara de gol saiu aos 3 minutos. Lavelle toca entre as pernas da zagueira Bright e chuta com força para defesa de Telford. Boa oportunidade dos Estados Unidos.

Aos 10 minutos, as americanas chegaram novamente e a jogada acabou em gol. Heath lança na ponta direita, Lavelle faz o corta-luz e a lateral O’Hara recebe livre para cruzar na medida para Press, que cabeceia para o fundo do gol adversário. 1 a 0 para os EUA, com gol da substituta de Rapinoe.

Mas a Inglaterra não desanimou com a desvantagem no placar e conseguiu empatar ainda na etapa inicial. Aos 19 minutos Mead recebe passe longo na ponta esquerda e cruza para White, que toca de primeira para vencer a goleira Naeher.

Aos 24 minutos, as norte-americanas tiveram uma boa chance com Lavelle, que chuta forte de primeira da grande área para excelente defesa de Telford.

Aos 31 minutos, porém, não teve jeito: os EUA conseguiram marcar. A zagueira Dahlkemper faz lançamento em direção à ponta direita, Press mata no peito e toca para Horan, que lança em profundidade para Morgan, que infiltra e finaliza de cabeça para vencer Telford.

Dois minutos depois as inglesas tiveram outra oportunidade clara, com um belo chute de fora da área de Walsh, mas a goleira Naeher se estica toda para defender. Um ótimo primeiro tempo das duas equipes.

2º tempo agitado

O segundo tempo começa com uma dinâmica diferente, com as duas equipes lutando muito pela posse de bola e cometendo inúmeras faltas.

Enquanto a Inglaterra buscava, de todas as formas, espaços para criar chances de gol, os EUA guardavam a defesa esperando uma oportunidade clara de contra-atacar.

E aos 14 minutos as americanas têm uma boa oportunidade de marcar, quando a goleira Telford erra em toque para Bright. Press rouba a bola e chuta com perigo, mas para fora.

Aos 21 minutos a Inglaterra consegue colocar a bola no fundo da rede do gol americano. Walsh lança para Scott, que escora para White, que sai na cara do gol para tocar na saída da goleira Naeher. Mas a juíza brasileira Edina Alves anula o gol, com auxílio do VAR (árbitro de vídeo), ao marcar impedimento.

Aos 32 minutos, o time inglês tem uma nova oportunidade clara. Stokes recebe na ponta esquerda e cruza para o meio da área, onde White, muito pressionada pela zaga adversária, não consegue finalizar. O VAR indica a possibilidade de um possível pênalti de Sauerbrunn na atacante inglesa. Após consulta ao monitor, a infração é confirmada. Houghton vai para a cobrança, mas a goleira Naeher pula bem e defende.

E o que parecia complicado fica ainda mais difícil após a expulsão da zagueira Bright por acúmulo de cartões amarelos.

Assim, no final as americanas conseguem segurar a vantagem e a classificação. Agora a seleção dos EUA aguarda o vencedor da partida entre Suécia e Holanda para saber quem será seu adversário na final da competição, no próximo domingo (7), em Lyon.

Ficha técnica:

Terça, 2 de julho de 2019

INGLATERRA 1 X 2 ESTADOS UNIDOS

Competição: Mundial Feminino (semifinal)

Local: Lyon, França.

Juíza: Edina Alves Batista (Brasil)

Inglaterra: Telford; Bronze, Houghton, Bright e Stokes; Scott, Walsh (Moore), Mead (Kirby) e Daly (Stanway); White e Parris. T: Phil Neville.

Estados Unidos: Naeher; O’Hara (Krieger), Dahlkemper, Sauerbrunn e Dunn; Lavelle (Mewis), Horan e Ertz; Heath (Lloyd), Morgan e Press. T: Jill Ellis.

Gols: No 1º tempo: Press (10), White (19) e Morgan (31).

*Fábio Lisboa é jornalista e comentarista esportivo dos programas da TV Brasil Stadium e No Mundo da Bola

Edição: Denise Griesinger

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
O Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (LACEN) está realizando exames para identificação do novo coronavírus (COVID-19)
Saúde

Universidade de Brasília e HUB iniciam teste de vacina contra covid-19

Os primeiros que vão participar do estudo-teste são cinco profissionais da saúde que atuam no atendimento de infectados, mas não tiveram ainda a doença, informa a UnB.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Internacional

Líbano lida com devastação feita por explosões no porto

O grande número de feridos levou a uma superlotação dos hospitais de Beirute, informou a Cruz Vermelha. O presidente do Líbano anunciou recursos de US$ 66 milhões em fundos de emergência.

Internacional

Vendedores e consumidores enfrentam riscos em mercado de Caracas

No maior mercado de produtos agrícolas da capital venezuelana, as pessoas dão pouca atenção às regras de distanciamento, embora muitos usem máscaras

São Paulo - Comitê Paralímpico Brasileiro anuncia os 25 atletas convocados para a seleção que participará do Mundial de Paratletismo Londres 2017, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro (Rovena Rosa/Agência Brasil)
Esportes

Bolsa Atleta: divulgada lista de contemplados no programa

Ao todo são 109 atletas contemplados de modalidades que fazem parte dos programas Olímpico e Paralímpico, referente ao pleito 2019.

10/08/2019 - 2 Nacional de Atletismo - Circuito Loterias Caixa de Atletismo - Centro Paralímpico Brasileiro - São Paulo (SP) - Detalhe de um atleta segurando um disco durante a prova de Lançamento de Disco - Masculino
Esportes

Lançamento de disco: falta de competições preocupa Fernanda Borges

Enquanto brasileira treina com restrições por causa da pandemia do novo coronavírus no Brasil, estrangeiras já retornaram a torneios.

Parque Nacional do Itatiaia
Geral

Parque Nacional do Itatiaia inicia hoje reabertura gradual

Por enquanto, atrações da parte alta, como o Pico das Agulhas Negras, o Maciço das Prateleiras e a Cachoeira de Aiuruoca, além do camping, continuam fechados.