PRF prende homens ligados à milícia do RJ com armas e munições

Os suspeitos fariam parte da milícia conhecida como Bonde do Ecko

Publicado em 02/02/2020 - 14:28 Por Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam, na noite de sábado (1), três homens ligados a um dos principais grupos de milicianos que atuam no Rio de Janeiro. Com eles, foram apreendidos três pistolas, dez carregadores, munições, rádio transmissor, colete balístico, uniformes camuflados, touca ninja, seis celulares e R$ 23 mil.

O flagrante aconteceu no município de Seropédica, área sob influência da milícia, na região metropolitana. Policiais do Grupo de Patrulhamento Tático da 1ª Delegacia (Duque de Caxias) abordaram o trio na BR-465, a antiga Rio-São Paulo. O motorista estava foragido desde fevereiro do ano passado e possuía um mandado de prisão por associação criminosa. Ele é suspeito de torturar uma pessoa na Favela do Aço, em Santa Cruz, em 2015. A vítima estava prestes a ser executada, mas foi salva por agentes da Polícia Civil.

Os três homens presos na operação seriam integrantes da milícia conhecida como Bonde do Ecko, que atua explorando o controle de postos de combustíveis, transporte irregular, sinais clandestinos de internet e TV a cabo, venda de botijões de gás e extração de saibro. As informações são da assessoria de comunicação da PRF.

Edição: Liliane Farias

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias