Parques e igrejas de maior porte reabrem no DF na quarta-feira

Frequentadores deverão seguir distanciamento e usar máscaras

Publicado em 30/05/2020 - 17:32 Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil - Brasília

A partir de quarta-feira (3), parques e igrejas de grande porte poderão voltar a funcionar no Distrito Federal. O governador Ibaneis Rocha publicou hoje (30) decreto que autoriza a reabertura desses lugares, desde que os frequentadores sigam regras de distanciamento social e usem máscaras.

Em relação aos parques, o decreto autoriza o funcionamento entre 6h e 21h apenas para caminhadas e corridas. Os restaurantes e os demais estabelecimentos comerciais dentro dos parques continuarão fechados, assim como as áreas de atividades coletivas, como campos esportivos e acampamentos.

A utilização de objetos que podem ser tocados por várias pessoas também continua proibida. Os equipamentos de ginástica e de musculação, assim como bebedouros e banheiros, permanecem interditados.

O governador Ibaneis informou que ainda estuda como reabrirá o Parque da Cidade, o maior parque urbano do Distrito Federal. Uma opção será a reabertura de apenas duas entradas do parque e o fechamento do acesso de carros e de motos ao local, liberando o uso da avenida interna apenas para pedestres e ciclistas.

Igrejas

Em relação às igrejas, o decreto permite a reabertura apenas de templos com capacidade para mais de 200 pessoas. Os fiéis deverão ficar pelo menos 1,5 metro afastados, com demarcação nos assentos e alternância de fileiras de cadeiras ocupadas e desocupadas. As igrejas deverão ainda afixar uma placa com a capacidade total do local, metragem quadrada e quantidade máxima de frequentadores.

A entrada de pessoas com mais de 60 anos, crianças menores de 12 anos e pessoas de grupo de risco para o novo coronavírus continua proibida. Os templos serão obrigados a medir a temperatura dos fieis com termômetro sem contato, vetando a entrada de quem tiver mais de 37,3°C. As celebrações presenciais deverão ter intervalos de pelo menos duas horas.

Edição: Denise Griesinger

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias